20/04/2017 - HGG se prepara para segunda edição de mutirão de cirurgias à população carcerária



Reunião com representantes da Secretaria de Estado da Saúde, Secretaria de Segurança Pública e Ministério Público aconteceu nesta quinta-feira, dia 20 de abril, no Hospital Alberto Rassi

O Hospital Alberto Rassi – HGG está se preparando para a segunda edição do mutirão de cirurgias à população carcerária. Nesta quinta-feira, dia 20 de abril, representantes Secretaria de Estado da Saúde (SES), Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária (SSPAP), Ministério Público e diretoria da unidade, estiveram reunidos para traçar as estratégias para o atendimento, que deve começar no próximo mês, em maio.

Em 2015, o Hospital atendeu 104 presos do Complexo Prisional, principalmente nas especialidades de cirurgia geral, coloproctologia e urologia. A ação teve o apoio do então titular da 25ª Promotoria de Goiânia (Execuções Penais), o promotor Haroldo Caetano, que afirmou que a ação era inédita em termos de Política de Saúde Carcerária.

Na segunda edição, o promotor de Execução Penal de Goiânia, Marcelo Celestino, participa das articulações para os atendimentos. “Desde quando eu atuava no CAO Saúde acompanho de perto o trabalho do HGG e fiquei muito feliz de retornar aqui e ver que houveram muitos resultados desde as nossas primeiras visitas”, destacou.

O promotor propôs intervir junto à Secretaria da Fazenda e SSPAP para a permanência dos agentes carcerários para garantir a segurança da unidade hospitalar. “Nosso objetivo é aprimorar a saúde dos presos, oportunizando a cirurgia eletiva”, disse. Presente na reunião, o gerente de Operações de Inteligência da SSPAP e chefe de gabinete, major Raimundo Coelho Pinto Júnior, disse que encaminhará os estudos para que, em breve, as cirurgias possam acontecer.

Mulheres
O promotor Marcelo Celestino liderou o projeto Saúde da Mulher Encarcerada, realizado no mês de março, com a parceria do Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Humano (Idtech)/HGG. Desta vez, o mutirão de cirurgias atenderá também o público feminino, dando continuidade ao trabalho já realizado no próprio Complexo Prisional.

Também participaram da reunião a gerente de Projetos Especiais da Superintendência de Políticas de Atenção Integral à Saúde da SES, Edna Maria Covem; a subcoordenadora de Atenção à Saúde no Sistema Prisional, Albemar Genovesi; o coordenador regional metropolitano da Superintendência Executiva de Administração Penitenciária (SEAP), Leandro Ezequiel dos Santos; e o supervisor regional metropolitano da SEAP, Brunno Pereira Morais.




Quer receber notícias e novidades do Idtech diretamente no seu e-mail?

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

© IDTECH - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS