21/12/2018 - Adolescentes e familiares participam do ‘Natal da Família’ no Case de Anápolis



Evento reuniu autoridades, convidados, colaboradores e os 46 jovens que cumprem medidas de internação na unidade

O Natal é tempo de celebrar a vida, confraternizar em família e estar sempre em sintonia com a positividade. E foi com toda essa energia e espírito natalino que familiares, autoridades, colaboradores e adolescentes em medida socioeducativa celebraram na quarta-feira (19) o Natal da Família no Galpão de Atividades Múltiplas do Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) de Anápolis.

Mais de 180 pessoas participaram do evento, entre elas o juiz da Vara da Infância e Juventude de Anápolis, Carlos Limongi, a diretora do Gecria Priscilla Piretti e o gerente Emiliano Rivelo, o coordenador geral de segurança do Estado de Goiás o coronel Jesus Nunes Viana e a coordenadora da Casa de Semiliberdade de Anápolis, Maria Olinta Azeredo Campos Mariano.

O evento iniciou às 12h com uma cerimônia ecumênica com o Frei Almir da Pastoral da Igreja São Pedro, seguido do pastor Gentil e do Coronel Alexandre Elias que representou o segmento espírita. Todos os celebrantes passaram mensagens emocionantes de esperança aos familiares e adolescentes. A atividade foi uma iniciativa do Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Humano (Idtech), organização social gestora do Case de Anápolis.

Como parte da programação, sete adolescentes da unidade, sob a orientação da professora Maria Auxiliadora Carvalho, apresentaram, em formato de cantata, o clássico de Natal “Quero ver você não chorar”. E foi mesmo difícil conter as lágrimas. A dona de casa Maria de Jesus*, mãe do adolescente Pedro* se emocionou com a apresentação dos jovens. “Foi muito lindo! O que eu mais quero é que ele saia logo daqui para ficar comigo em casa, mas acho o Case de Anápolis um bom lugar para a recuperação e se Deus quiser meu filho sai daqui outra pessoa, é o que todos nós desejamos”, disse.

Durante um discurso incentivador aos adolescentes e familiares, o juiz Carlos Limongi, disse acreditar na recuperação social dos jovens. “Não conseguimos mudar o passado, simplesmente apagar o que foi feito, mas é possível construirmos uma nova história de vida e eu acredito que aqui no Case de Anápolis vocês [adolescentes] estão tendo essa oportunidade. Com tanta atividade que está sendo promovida pelo Idtech aqui dentro vocês terão condições de sair daqui com todo o suporte para a ressocialização. E eu desejo esperança, mas acima de tudo, a mudança. Aproveitem a oportunidade”, proferiu.

A confraternização foi encerrada com o almoço e entrega de guirlandas de natal confeccionadas pelos adolescentes durante uma oficina realizada na própria unidade. Além das guirlandas, os jovens que já são pais ganharam brinquedos para presentear os filhos.

“Foi muito emocionante tudo que passamos aqui hoje. Foi um dia de visita especial, porque o Natal a gente sente a falta deles em casa e ter esse momento, mesmo que em dia diferente mas celebrando Jesus ao lado do meu filho, foi muito bonito e emocionante”, relatou em lágrimas Nilva Lopes, mãe de um dos 46 adolescentes que cumprem medidas socioeducativas no Case de Anápolis.






Quer receber notícias e novidades do Idtech diretamente no seu e-mail?

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

© IDTECH - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS