Goiânia, 25 de abril de 2017    




Notícias

(26/09/2014) Internado no HGG, avô realiza sonho de ver a neta vestida de noiva

Osório Dias da Silva, de 88 anos, se recupera de uma pneumonia e não pôde ir ao casamento. Mas ainda assim, realizou o sonho de vê-la em seu grande dia

O Hospital Alberto Rassi – HGG foi palco de um emocionante encontro entre avô e neta, no dia do seu casamento. Osório Dias da Silva, de 88 anos, tem como xodó a sua neta Weslayne Dias da Silva. Desde pequena, os dois são cúmplices e inseparáveis. É assim que descreve Divina Dias da Silva Bueno, irmã de Osório. “A Weslayne é a neta mais querida por ele. Eles sempre foram muito unidos, amigos mesmo. Era o sonho dele ver ela vestida de noiva”.

O aposentado, durante os preparativos do casamento, fez questão de ajudar a neta com tudo o que pode. Mas, infelizmente, três dias antes do casamento ele se sentiu mal e procurou uma unidade de saúde. Já no Hospital Alberto Rassi – HGG ele foi diagnosticado com pneumonia e, com o quadro de saúde preocupante, não pôde acompanhar a cerimônia de casamento da neta, que aconteceu no sábado, dia 20 de setembro. “Quando a médica falou que ele não poderia ir, ele chorou muito. Ele já tinha comprado a roupa, o sapato, estava completamente pronto pra ir levar a neta ao altar, mas ele adoeceu”, conta Divina com os olhos lacrimejando ao recordar a situação.

Mas nem tudo ainda estava perdido. Segundo Divina, sua outra irmã que mora nos Estados Unidos, e que também não pôde vir ao casamento, deu a brilhante ideia de procurar a direção do HGG para tentar uma autorização para que Osório pudesse realizar parte de seu sonho. “A única coisa que a gente não consegue fazer é adiar a morte, né? Quando minha irmã deu a ideia, na mesma tarde eu já corri para me informar se seria possível. Fui na direção e expliquei a situação, contei nossa história e graças a Deus eles foram parceiros e deixaram ela vir ver o avô”, diz Divina.

Por volta das 21 horas, lá estava Osório vestido em seu terno novo, com seu sapato impecável e com cabelo e barba feita. E a ansiedade para encontrar a neta era recíproca. “Lá no casamento, após a cerimônia a Weslayne estava lá preocupada com o horário pra poder vir ver ele logo”, relembra a irmã. “Quando eu a vi, não aguentei. Eu choro muito fácil e me emocionei demais. Ela ficou a mulher mais linda do universo. Sou grato a Deus por ter tido meu sonho realizado e agradeço a todos que se envolveram nessa trajetória”, disse Osório, que se emociona só de relembrar os acontecimentos do último sábado. “Foi indescritível o momento entre os dois. Só temos a agradecer por tudo”, completa Divina.

Para a diretora de Enfermagem, Natalie Alves, oportunizar um momento tão importante como este também faz parte da política de humanização do Hospital. “Ele ficou emocionado quando autorizamos a entrada da família. Isso sem dúvida contribuirá com o tratamento dele e todos ficaram felizes em poder tê-lo por perto mesmo enquanto paciente do HGG”. Agora, Weslayne e o esposo estão em lua de mel. E os votos são os melhores possíveis. “Torço pra minha neta ser muito feliz. Ela sabe que eu estou aqui pro que der e vier”, finaliza Osório, com um sorriso de “de orelha a orelha”.


Fonte: IDTECH






IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700