Goiânia, 23 de junho de 2017    




Notícias

(30/01/2015) Sarau Itinerante com teclado emociona pacientes

Elen Lara e Dámom Farias se apresentaram pela primeira vez no HGG com vozes e teclado. O Sarau aconteceu na última quinta-feira 29 de janeiro

O último Sarau do Hospital Alberto Rassi – HGG do mês de janeiro emocionou os pacientes. Nesta quinta-feira 29 de janeiro, o casal Elen Lara e Dámom Farias percorreram pela primeira vez os andares fazendo a apresentação com vozes e teclado. Eles já são parceiros cativos do projeto e já estiveram no hospital mais de cinco vezes, na companhia de corais.

A cantoria começou no Ambulatório de Medicina Avançada (AMA), passou por todos os andares, inclusive no Centro de Terapia Intensiva (CTI). No repertório músicas que falam de Deus como “Conquistando o Impossível”, da cantora Jamily, “Faz um milagre em mim” de Régis Danese e até “Noites traiçoeiras” do segmento católico comoveram os pacientes que saíam dos quartos e iam em direção aos corredores, onde a plateia se formou.

Paciente conhecido e fiel do Sarau, Sirlane Simões de 46 anos arrumou um cantinho e chorou por diversas vezes enquanto a dupla cantava. “Quando é quinta-feira não precisa nem chamar, eu vou atrás do Sarau onde ele estiver. Isso daqui é uma benção”, afirmou. Ele faz acompanhamento no hospital há algum tempo e na semana passada realizou a tão sonhada cirurgia bariátrica. “Eu esperei por quinze anos por esse momento. Estou com algumas complicações no pós-operatório mas estou firme. Deveria estar em repouso, não posso ficar em pé, mas para louvar a Deus a gente sempre arruma um jeito”.

A auxiliar administrativa Walmercya de Oliveira Castro de 43 anos está acompanhando a mãe que fez uma cirurgia para a correção de desvio de septo. Ela era uma das mais animadas, cantava com os olhos fechados e batia palmas para a apresentação. “Eu amo esses dois. Sou amiga da Elen e do Damon. Quando eu fiquei sabendo que eles iriam se apresentar aqui, eu fiquei muito feliz. Eles são abençoados”, disse.

Para Dámom, o Sarau nos corredores foi emocionante. “Foi incrível. A música tem o poder de envolver as pessoas, emocionar e mudar. Acredito que a nossa apresentação contribuiu para encher o coração delas de esperança. Ficamos muito felizes”. Elen Lara também ficou encantada. “Foi maravilhoso viver essa integração e participação dos pacientes. A música tem essa função. Saímos daqui com a sensação de dever cumprido”, finalizou Elen.



Fonte: IDTECH






IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700