Goiânia, 27 de julho de 2017    




Notícias

(05/02/2015) Procurador do Estado confere melhorias após choque de gestão no HGG

Rafael Arruda, especialista em direito administrativo e entusiasta do modelo de parceria público-privada, visitou o Hospital Alberto Rassi – HGG nesta terça-feira, dia 4 de fevereiro

O procurador do Estado de Goiás Rafael Arruda, especialista em direito administrativo e entusiasta do modelo de parceria pública-privada, conferiu na prática o trabalho desenvolvido no Hospital Alberto Rassi – HGG após o contrato de gestão entre Governo e a organização social Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Humano (Idtech). A visita ocorreu nesta terça-feira, dia 3 de fevereiro.

“Realmente me impressionei positivamente com o que eu vi aqui e saio convencido de que o Estado de Goiás está no caminho certo quando adota este novo modelo de gestão”, declarou o procurador, que visitou pela primeira vez um hospital gerido por OS. A visita, que demorou cerca de três horas, percorreu os principais pontos do Hospital, desde a o almoxarifado da farmácia até o Centro de Terapia Intensiva (CTI). Também conheceu a política ambiental do Hospital e o Programa Gestão Cidadã.

No Ambulatório de Medicina Avançada (AMA) e na enfermaria da Clínica Cirúrgica o procurador pode também ouvir depoimentos espontâneos dos usuários. A aposentado Fábio Fernandes Carrijo, que fez recentemente uma cirurgia bariátrica, foi um deles, que afirmou ser muito bem atendido no HGG. Outro, disse que o hospital parece um hotel três estrelas. “É admirável o trabalho desenvolvido aqui”, comentou Rafael Arruda.

Acompanhado pelos diretores do HGG, coordenadores e assessores jurídicos do Idtech, Rafael Arruda fez perguntas relativas ao contrato, como o registro de patrimônio. Este é um dos pontos do novo marco regulatório da Lei das Organizações Sociais, que foi formulada com a contribuição do procurador. “A lei existia desde 2005, mas era mera reprodução do Governo Federal e portanto, imperfeita em vários aspectos. Depois de um trabalho que contou com a participação de vários órgãos do poder público e da sociedade civil, surgiu um novo marco normativo, para que o Estado pudesse avançar nesta área”, informou.

O coordenador executivo do Idtech, José Cláudio Romero, agradeceu a visita do procurador e ressaltou o papel que Rafael Arruda tem desempenhado para a boa atuação das organizações sociais. Por sua vez, o jurista destacou a contribuição do Instituto para a discussão do tema e incentivo ao conhecimento acadêmico. “Este espírito de abertura do Idtech é elogiável”, declarou.

Procurador
Rafael Arruda é procurador do Estado, ou seja, um advogado do poder executivo. Mestre em Ciência Jurídico-Econômicas pela Faculdade de Lisboa, atua como conselheiro acadêmico do Instituto de Direito Administrativo de Goiás (Idag). Sua dissertação de mestrado foi sobre parcerias na área da saúde. Como procurador, contribuiu para elaboração do marco regulatório da Lei das Organizações Sociais e na formulação da lei Anticorrupção, que também se aplica às OSs.



Fonte: IDTECH






IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700