Goiânia, 23 de junho de 2017    




Notícias

(28/04/2015) Crianças do Cevam e Condomínio Solidariedade assistem espetáculo infantil Tarzan

Ação contemplou a primeira edição do projeto Plateia Social de 2015, iniciativa do Idtech que tem como objetivo promover a inclusão cultural

A tarde de domingo não foi a mesma para as crianças do Centro de Valorização da Mulher (Cevam) e Condomínio Solidariedade. Acostumadas com brincadeiras nos próprios abrigos, elas foram convidadas pelo Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Humano (Idtech) para uma experiência diferente: ir ao teatro Madre Esperança Garrido assistir o clássico infantil Tarzan.

Neste domingo, 26 de abril, muitas crianças tiveram a experiência pela primeira vez. A atividade faz parte do projeto de responsabilidade do Idtech, o Plateia social, que promove a inclusão social e cultural, proporcionando oportunidade de acesso à arte a pessoas que nunca foram ou não tem oportunidade de frequentar espetáculos culturais.

Logo na entrada, as crianças estavam inquietas e curiosas. O pequeno João Vitor, 6 anos, do Condomínio Solidariedade perguntava “Tia, que horas vai começar?”. E a tia, a assistente social e técnica do Condomínio Sandra Fortunato, pedia para ele se acalmar que o espetáculo já estava começando.

Passaram alguns minutos e o espetáculo foi anunciado. “Preparamos uma grande apresentação para vocês, com vários efeitos especiais. Espero que gostem”, disse o diretor do espetáculo Luiz Roberto Pinheiro. Durante o musical, as crianças olhavam umas para as outras e pareciam não acreditar no que estavam vivenciando. Os efeitos de luz chegavam até a plateia, e elas tentavam segurar com as mãos, e como não conseguiam, se divertiam bastante.

Na história, um casal de aristocratas ingleses resolve fazer um passeio de avião para comemorar o primeiro mês de nascimento do filho. Durante a aventura, acontece uma pane no avião que cai dentro da mata. O casal tem morte instantânea, enquanto que o bebê, por ironia do destino, se salva, e os macacos o encontram. Tarzan é criado na floresta no meio dos primatas que são bastante divertidos. Durante o musical, eles cantaram, dançaram e arrancaram boas gargalhadas da plateia.

Na história, Tarzan conhece Jane, filha de um cientista que vai até a floresta para estudar o comportamento dos macacos e se apaixona. O momento mais emocionante do espetáculo acontece quando eles se beijam. Apesar da diferença entre os dois, eles se casam, constroem uma família e escolhem a floresta como morada.

Thaynara Arantes de 13 anos, abrigada do Cevam disse que a cena que mais gostou foi o beijo do casal. “Eu achei emocionante”, afirmou. A colega dela, Geniffer Pereira, de 9 anos também aprovou a experiência. “Eu gostei muito. Quando o Tarzan beijou a Jane eu bati palmas e gritei”.

A experiência ficará marcada nos corações das crianças. Sandra Fortunato, do Condomínio Solidariedade disse que eles ficaram muito ansiosos quando souberam da ida ao teatro. “Nós saímos do Condomínio às 14 horas, para assistir a peça às 16 horas. Eles não ficavam quietos. Toda hora perguntando como seria, se seria legal. A experiência tira as crianças do lugar comum. Faz com que elas vivam coisas novas e abram a cabeça para a imaginação. É a primeira vez que participamos do Plateia Social e queremos vir mais vezes. Foi maravilhoso”, afirmou.


Fonte: IDTECH






IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700