Goiânia, 26 de abril de 2017    




Notícias

(29/05/2015) HGG celebra Dia Mundial sem Tabaco

Ação acontece nesta sexta-feira, 29 de maio no Ambulatório de Medicina Avançada (AMA). Além de distribuição de panfletos, o público poderá tirar dúvidas e poderão realizar teste de dependência de nicotina

O Dia Mundial Sem Tabaco, celebrado em 31 de maio, foi criado em 1987 pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para alertar a população sobre os riscos provocados pela principal causa de morte evitável do planeta. O tabaco mata anualmente mais de 6 milhões de pessoas, das quais 600 mil são fumantes passivos, isto é, não fumantes que respiram a fumaça de fumantes ao seu redor. A estimativa é que até 2030, o tabaco mate 8 milhões de pessoas.

Para conscientizar os pacientes, acompanhantes e colaboradores dos riscos do uso de tabaco, o Hospital Alberto Rassi – HGG antecipa a data e realiza nesta sexta-feira, 29 de maio, palestras, distribuição de panfletos e testes de dependência de nicotina. A partir das 7 horas da manhã, a equipe multidisciplinar estará no Ambulatório de Medicina Avançada (AMA) realizando palestras e disponibilizando o questionário sobre o grau de dependência química de cada um.

As palestras serão ministradas pela psicóloga Telma Noleto Rosa, pela fisioterapeuta Juliana Santos Mendes de Medeiros e pela fonoaudióloga Mariela Vidal. Além disso, o diretor de Ensino e Pesquisa da unidade, e médico pneumologista Marcelo Rabahi, irá abordar as consequências que o uso do tabaco pode causar no organismo e também estará à disposição para tirar dúvidas do público.

Curiosidades:

- O HGG está livre da fumaça de cigarros há três anos. Tudo isso graças às ações de conscientização que são constantemente realizadas para alertar os colaboradores;

- O tabaco mata 6 milhões de pessoas por ano ( 5,4 milhões de fumantes ativos e 600.000 são fumantes passivos), incluindo 1 milhão nas Américas;

- O tabaco é o único produto de consumo legal que mata até metade de seus usuários quando usado exatamente como previsto pelo fabricante;

- Metade de todos os fumantes de longo prazo morrerá de uma doença causada pelo tabaco, perdendo em torno de 10 a 15 anos de vida;

- O fumante ingere acetona, usado para retirar esmalte; formol, usado para a conservação de cadáveres; fósforo, usado em veneno de ratos; monóxido de carbono, o mesmo que sai do escapamento de veículos, entre outras substâncias perigosas para a saúde;

- O tabaco causa impotência sexual no homem e infertilidade na mulher;

- Tabaco custa à economia mundial EUA $ 200 bilhões por ano.


Fonte: IDTECH






IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700