Goiânia, 22 de outubro de 2017    




Notícias

(27/07/2015) CHI é treinada para aperfeiçoar Pesquisa de Satisfação

Todos os dias, relatório da opinião dos pacientes que tiveram alta hospitalar é repassado às coordenações e chefias. Detalhamento é fundamental para melhoria dos serviços do Hospital Alberto Rassi – HGG


A Pesquisa Interna de Satisfação Hospitalar é um dos nove canais de comunicação com o usuário do Hospital Alberto Rassi – HGG, inseridos no Programa Gestão Cidadã. Realizada durante a alta hospitalar, os pacientes podem avaliar o desempenho de cada categoria profissional e dar sua opinião sobre o tratamento que recebeu durante a internação. Um treinamento, com o objetivo de capacitar os colaboradores da Central Humanizada de Internação (CHI), responsáveis por colher os dados desta Pesquisa, foi realizado nos dias 22 e 23 de julho.

Participaram sete colaboradores ao todo, que serão responsáveis por multiplicar as informações para o restante da equipe. A psicóloga e diretora Multidisciplinar do HGG, Rogéria Cassiano, mostrou como aproximar do paciente para que ele, mesmo muitas vezes com pressa, participe da Pesquisa de Satisfação. “É importante demonstrar entusiasmo e saber ouvir de forma isenta”, disse ela.

Responsável pelo Programa Gestão Cidadã, Iris Bertoncini, mostrou como são tabulados os dados colhidos pelas Pesquisas de Satisfação e como são respondidas as críticas dos usuários. “Os coordenadores do Idtech e os gerentes do HGG tem conhecimento de tudo que é relatado. E todos têm como dever responder as demandas”, revelou.

Ela citou alguns casos que foram resolvidos a partir das sugestões dos usuários. “O mais recente foi a falta de ganchos ou suportes nos banheiros do Ambulatório para pendurar a bolsa ou colocar os exames. A administração já está providenciando a partir do que foi relatado por um usuário”. Segundo ela, o objetivo do Gestão Cidadã é colocar o usuário na posição de um diretor da unidade, interferindo diretamente na administração da unidade.

Para a colaboradora Daniela Carla Pinheiro, o treinamento foi importante para entender a importância da pesquisa. “Não sabíamos que as informações são todas passadas para o papel e que são transmitidas para a diretoria e responsáveis. Além disso, sabemos agora que as sugestões são atendidas pelo Hospital, como por exemplo uma obra”, disse.


Fonte: IDTECH






IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700