Goiânia, 27 de abril de 2017    




Notícias

(03/03/2016) Nefrologista do HGG explica sobre causas de doenças renais

Antônio Eustáquio Vieira ministrou palestra no Ambulatório de Medicina Avançada (AMA) do HGG nesta quarta-feira, 2 de março. Em alusão ao Dia Mundial do Rim, hospital está promovendo um ciclo de palestras para tirar dúvidas dos usuários da unidade

Responsáveis por filtrar o sangue para eliminar substâncias nocivas, regular a composição do organismo e a pressão arterial e produzir hormônios, entre outras funções, os rins merecem atenção. No mês em que se comemora o Dia Mundial do Rim, o Hospital Alberto Rassi – HGG está promovendo uma programação repleta de palestras para os usuários do Ambulatório de Medicina Avançada (AMA) e para a população em geral. A abertura da campanha “Março da Prevenção” aconteceu nesta quarta-feira, 2 de março com a palestra “Doenças renais: quais as principais causas”.

O nefrologista Antônio Eustáquio Vieira esteve no Ambulatório da unidade para tirar as dúvidas dos usuários sobre o assunto. Ele explicou que atualmente existem cerca de 4 mil pacientes em hemodiálise no estado de Goiás e este número está aumentando. “Alguns fatores de risco como pressão alta, obesidade e diabetes agravam essa situação. O diabetes mal controlado ao longo dos anos pode evoluir para insuficiência renal. Para quem tem casos da doença na família, é necessário fazer pelo menos uma vez ao ano o exame de sangue chamado creatinina”, alertou.

Enquanto aguardava por sua consulta com o cirurgião plástico, a aposentada Regina Coniglio aproveitou para esclarecer algumas dúvidas com o especialista. Aos sete anos de idade, ela teve nefrite, doença do rim considerada comum, e disse que nunca mais apresentou nenhuma complicação. “Eu procuro me cuidar, mas vezes a gente extrapola. A carambola, por exemplo, é considerada um veneno para os rins, e eu como com sal, que é pior ainda”, afirmou. Regina elogiou a iniciativa da palestra. “Às vezes a gente tem dúvidas e não tem condições de ir ao especialista só para isso, mas aqui eu pude esclarecer muitas coisas, gostei bastante”.

Antônio Eustáquio afirmou que para evitar problemas nos rins é preciso tomar atitudes simples. “Basicamente é tomar bastante água, suco naturais e diminuir a ingestão de sal”. Caso a pessoa tenha problema de cálculos renais, ele explicou os tipos de tratamento. “O tratamento para pode ser com cirurgia ou pode ser clínico, só com medicamentos. Se for uma pedra pequena, a pessoa consegue expelir com medicação e ingestão de líquido. Se forem cálculos maiores, eles precisam de métodos cirúrgicos para resolvê-los”.

Março da Prevenção

A próxima palestra acontece na quarta-feira, 9 de março. A nutricionista Lilian Fioravanzo Apolinário ministrará a palestra “Alternativas de alimentação para não sobrecarregar o rim”. Os remédios considerados “venenos” para os rins também serão abordados no dia 16 de março, com o farmacêutico Renato Rocha Martins. No dia 23 de março, a médica residente em nefrologia Rhaisa Gannan Macedo e a enfermeira Milena Paes Monteiro falarão sobre “Os cuidados para evitar doenças renais”.

Fechando a programação, no dia 31 de março a nefrologista Ana Laura Bezerra Florentino abordará “Os tratamentos das doenças renais”. As discussões são abertas ao público em geral e acontecem sempre às quartas-feiras, a partir das 15h30 no Ambulatório de Medicina Avançada (AMA) do HGG.



Fonte: IDTECH






IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700