Goiânia, 24 de abril de 2017    




Notícias

(07/03/2016) Comitê de Ética em Pesquisa do HGG investe em capacitação para os seus integrantes

Para análise dos Protocolos de Pesquisa é necessário que os membros estejam altamente capacitados. Em 2015, os 17 membros do Comitê participaram de oficinas, seminários, mesas redondas e encontros com outros Comitês

Defender os interesses dos participantes de pesquisa em sua integridade e dignidade e contribuir para o desenvolvimento da pesquisa dentro de padrões éticos em instituições de saúde que realizem pesquisa em seres humanos. Este é o objetivo do Comitê de Ética em Pesquisa (CEP) do Hospital Alberto Rassi - HGG. Composto por 17 membros de várias especialidades, o CEP do HGG resguarda os direitos dos participantes em pesquisa. Para isso, a capacitação constante dos membros é primordial para atuação do Comitê.

De acordo com a vice coordenadora do CEP do HGG, Adriane Espíndola, um dos grandes destaques no ano de 2015 foram atividades com intercâmbio de informações entre os membros. "Internamente fomentamos discussões sobre elaboração de pareceres, eventos adversos, entre outros. Na Jornada Científica (JOCHAR) promovemos a palestra sobre o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido, e também realizamos o 1º Encontro de Comitês de ética em Pesquisa do Estado de Goiás. Participamos de reuniões da Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (CONEP), e de eventos promovidos por outros hospitais".

Além disso, o grande marco no ano passado foi a criação do Fórum Goiano de Comitês de Ética em Pesquisa que teve seu lançamento em evento promovido pelo Comitê do HGG. "O nosso objetivo com a criação do Fórum foi o fortalecimento das discussões na área, que era carente de um canal de interação e interlocução entre os Comitês de Ética em Pesquisa e a Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (CONEP). Ainda não foi definido se elegeremos uma diretoria ou não, a organização administrativa do Fórum está sendo construída de forma democrática, com a participação de todos os CEPs ali representados", afirmou.

Análise de protocolos

Desempenhando um papel consultivo e educativo, o Comitê de Ética em Pesquisa do HGG analisou 37 novos protocolos de pesquisa em 2015, que são postados pelos pesquisadores na Plataforma Brasil. Adriane explica ainda que além dos protocolos do HGG, o Comitê do HGG analisa protocolos de outras instituições. "Além dos projetos que são do HGG, ano passado acompanhamos 119 pesquisas em andamento, realizadas pelo Hospital Alberto Rassi e instituições parceiras, públicas e privadas. O acompanhamento é feito através de apreciação/análise de notificações, emendas e relatórios de segurança, bem como realização de visitas aos Centros de Pesquisa".


Fonte: IDTECH






IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700