Goiânia, 19 de agosto de 2017    




Notícias

(05/09/2016) Aguardando pela bariátrica, paciente se diverte com música no Sarau

Hospital Alberto Rassi – HGG abriu nesta quinta-feira, dia 1º de setembro, programação do projeto Sarau do mês de setembro com os “Meninos 918”. Pacientes elogiaram a iniciativa e simpatia dos músicos

Ricardo Costa Neves está inserido no Programa de Controle e Cirurgia da Obesidade (PCCO) do Hospital Alberto Rassi – HGG desde o ano de 2011. No ano passado, o paciente começou a se preparar para a cirurgia bariátrica e agora está hospitalizado para a realização do procedimento. Com 193 kg, o sushiman conta que passará um bom tempo internado, mas que isso não o assusta, já que a unidade realiza um excelente trabalho de humanização.

Ricardo esteve presente na noite desta quinta-feira, dia 1º de setembro, na apresentação dos “Meninos 918”. O show marcou a abertura da programação do mês de setembro do projeto Sarau do HGG, e surpreendeu os pacientes e colaboradores da unidade. “Me diverti demais hoje! Apesar de ser evangélico, eu não acho que erro em cantar e dançar músicas que não são gospel porque é uma forma de aliviar as tensões. O hospital está de parabéns por essa iniciativa”, disse.

José da Silva também se divertiu durante a apresentação do grupo. O tratorista conta que está hospitalizado para uma cirurgia de hérnia, e que conseguiu relaxar bastante com o projeto Sarau. “Eu me internei hoje e não esperava ser recebido com um show. Quando vamos passar por uma cirurgia, sempre ficamos na dúvida se vamos voltar para casa e para nossa família, e ter esse momento de descontração ajuda demais a aliviar a ansiedade. ”

Os “Meninos 918”, Ítalo Oliveira e Rodrigo Henrique, participaram pela primeira vez do projeto. O repertório foi escolhido pelos próprios pacientes, que pediram as músicas a serem apresentadas. Do sertanejo ao reggae, o público aplaudiu e se divertiu com a simpatia dos músicos. “Achei que os pacientes não ficariam até o final. Foi uma experiência bastante diferente do que estamos acostumados”, disse Ítalo. “É um público diferente. Quando nos apresentamos em bares, o pessoal está bebendo, conversando e muitas vezes não presta nem atenção nos músicos. Aqui todos cantaram, participaram. Foi uma vibe muito boa”, completou Rodrigo.


Fonte: IDTECH





Google








IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700