Goiânia, 20 de agosto de 2017    




Notícias

(28/11/2016) Doação de sangue ao som do rock reúne mais de 250 pessoas

Evento promovido pelo Hospital Alberto Rassi – HGG neste sábado e Hemocentro de Goiás, 26 de novembro, conseguiu coletar 123 bolsas de sangue, batendo o recorde das últimas edições

Para quem via de fora, o Hospital Alberto Rassi – HGG parecia apenas um local de encontro de motociclistas: muitas pessoas vestidas de preto, bandeiras dos motoclubes e banda de rock. Mas, o que acontecia ali, era também uma verdadeira manifestação de solidariedade. O evento Doe Sangue ao Som do Rock, promovido neste sábado, dia 26 de novembro, pela unidade e Hemocentro de Goiás, conseguiu coletar 123 bolsas de sangue, um recorde das últimas edições.

Cerca de 250 pessoas compareceram ao evento, que contou com a parceria de 20 motoclubes de Goiás. A iniciativa está em sua terceira edição e supera o número de arrecadação a cada ano. “Em 2016 conseguimos mais apoiadores e junto com o Hemocentro, aumentamos os pontos de coleta de sangue e a equipe de atendimento, agilizando as doações”, declarou o diretor geral do HGG, José Cláudio Romero. Comparado ao ano de 2015, o incremento de bolsas coletadas foi de 46%.

Contando que, para cada bolsa é possível ajudar até quatro pessoas, a iniciativa com o apoio dos motociclistas pode salvar quase 500 pessoas. O motociclista Wanderley Sartil, do QBU, participou de todas as três edições do evento e doou sangue mais uma vez. “Sangue é vida e neste mundo violento, com tantos acidentes, acho que não custa nada a gente dar um pouco de esperança”, disse.

O vice-presidente do motoclube Metal & Óleo, Olavo Júnior, veio de Brasília para prestigiar o evento. “Já participei no ano passado e quando soube, fiz questão de vir novamente porque não tem como não contribuir. Isso aqui não pode acabar jamais e tem de servir de exemplo para outros motoclubes e para a sociedade geral, pois doar sangue é doar vida”, destacou ele, que parabenizou pela iniciativa.

E não é que até o papai-noel chegou de moto para visitar os pacientes e divertir os doadores de sangue? Vestido com a tradicional roupa vermelha e o colete do seu motoclube, ele chegou ao som do barulho dos motores. “Já vim em outras edições, mas o papai noel em mim é novo e estou recebendo muitas cartinhas”, contou.

A terceira edição do Doe Sangue ao Som do Rock foi embalada pela banda Balaclava, que tocou os maiores clássicos do metal, como Pink Floyd, Black Sabbath e AC/DC. Os doadores de sangue receberam bottons e pacths (bordados para os coletes) com a temática do evento. O Grupo de Intervenção Rápida e Ostensiva (Giro) da Polícia Militar e a escola de Vigilantes de Goiás também participaram do encontro.


Fonte: IDTECH





Google








IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700