Goiânia, 21 de outubro de 2017    




Notícias

(05/04/2017) Terapeuta Ocupacional ressalta importância das Oficinas de Arte do HGG

Pacientes se reuniram no jardim do hospital nesta terça-feira,04, para mais uma atividade do projeto

“As Oficinas de Arte têm contribuído bastante para a recuperação dos pacientes, porque é um momento em que eles se distraem, mantém convívio com outras pessoas e trocam experiências”. Este é o pensamento da Patrícia Oliveira, terapeuta ocupacional do Hospital Alberto Rassi- HGG. Na atividade desta terça-feira, 04 de abril, a profissional ressaltou que o fato dos internos conseguirem realizar tarefas que nunca haviam feito é um verdadeiro estimulante para quem precisa de energia e disposição. “Eles sentem uma motivação maior, se sentem capazes”. Segundo ela, a pintura “é uma forma que temos de nos aproximar do paciente e mostrar para ele as habilidades que ele tem”, pontuou.

Para a costureira Neusy Dias, de 56 anos, a experiência da pintura é “muito linda e importante para quem só fica dentro do quarto. É uma coisa diferente e nova e vou querer fazer mais em minha casa”, enfatizou. Assim como Neusy, o cabelereiro Jorge Carlos Antonio, de 43 anos, também considera que a atividade é uma forma de distrair a mente. “Aqui a gente sai do quarto e não é qualquer hospital que oferece isso não, hein?”, destacou em tom alegre.

O projeto “Arte no HGG” tem como parceira a Escola de Artes Visuais (EAV). Os pacientes podem se divertir e libertar a criatividade pintando telas. A atividade é realizada pela tarde, em local calmo, em meio aos cavaletes, pincéis e tintas a óleo, trazendo uma experiência inédita para maior parte dos participantes.


Fonte: IDTECH






IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700