Goiânia, 29 de maio de 2017    




Notícias

(06/04/2017) Fisioterapeutas movimentam palestra com exercícios de alongamento no AMA

Jessica Suguri e Tallita Ferreira falaram sobre “Como cuidar de sua postura” nesta quarta-feira, 10 de abril, no HGG

A tarde foi movimentada nesta quarta-feira, 05 de abril, no Ambulatório de Medicina Avançada (AMA) do Hospital Alberto Rassi-HGG com a palestra das fisioterapeutas Jessica Suguri e Tallita Ferreira sobre “Como cuidar de sua postura”. Depois de repassar bastante conteúdo informativo a todos que aguardavam por suas consultas, elas demonstraram diversos exemplos de alongamento, posições ideais para sentar na cadeira e até mesmo para se deitar e levantar da cama.

Antes dos exercícios, Talita iniciou o encontro falando sobre os problemas de coluna mais comuns e suas implicações em nossas rotinas. Juntamente com imagens projetadas em um dos televisores do AMA, a fisioterapeuta explicou detalhes sobre a escoliose, a hiperlordose, o “bico de papagaio”, hérnia de disco, entre outros. “Hérnia de disco, por exemplo, acontece quando o disco intervertebral perde sua forma original e sai da nossa coluna, deixando de amortecer os movimentos dos ossos. A escoliose é quando a coluna fica em forma de “S” ou de “C invertido” e isso pode ser notado quando a pessoa anda sem conseguir manter a postura ereta”, exemplificou.

Talita fez um alerta quanto à postura no ambiente de trabalho, já que muitas pessoas passam muito tempo na mesma posição - em pé ou sentadas - durante a rotina diária, o que desencadeia dores e patologias. “Temos que ter consciência da forma correta de manter a postura e cuidar da coluna. É preciso pensar em alongamento, exercício físico, porque a coluna é única. Ela é insubstituível e então, é preciso cuidar dela enquanto está sadia”, salientou.

Interação

Ao final, todos participaram e interagiram após a realização de diversos exercícios de alongamento. Entre os que estavam mais animados com a atividade, o pedreiro Wilson Silva, de 57 anos, que carrega bastante peso todos os dias e costuma trabalhar em pé, ressaltou que sente “muita dor nas costas”. Ao apontar para o local do incômodo, a fisioterapeuta Jessica constatou que se tratava da lombar e o questionou sobre a prática de atividade física. “O tratamento é exercício e fortalecimento, mas tem que ter acompanhamento médico”, destacou ela. Wilson ainda indagou qual seria a melhor maneira de se agachar para manusear materiais pesados no chão. “Se estiver sozinho divide o peso em duas viagens. Carrega metade e depois a outra metade”, respondeu a profissional.

A gari Celia Nogueira, de 55 anos, questionou o motivo de sentir tantas dores, já que apesar de ter hérnia de disco, faz tratamento e alongamento diariamente. “Quem já tem patologia precisa fortalecer o abdômen, porque ele protege a coluna. Então, às vezes é o que falta”, destacou Jessica.

Depois de ter se decepcionado com inúmeras sessões de fisioterapia sem efeito para suas dores, a pedagoga Marly Carvalho disse que foi tratada com aparelhos, porém não realizou atividades de fortalecimento. “Qual seria o modelo de fisioterapia para essas dores que sinto o tempo todo na lombar? Existe algo mais específico?”, perguntou. Em resposta, a fisioterapeuta explicou que o ideal na fisioterapia é conciliar a analgesia dos aparelhos com os exercícios.


Fonte: IDTECH






IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700