Goiânia, 18 de outubro de 2017    




Notícias

(05/12/2008) Agendamento de consultas na rede municipal mantém queda

Redução segue tendência verificada sempre no final de ano e foi mais acentuada em relação aos agendamentos de pediatria

O número de consultas agendadas pela Central de Atendimento ao Cidadão – Teleconsulta permanece em queda desde setembro, quando o serviço registrou o seu recorde, de 66.036 agendamentos. No mês de novembro foram marcadas 59.496 consultas, contra 60.127 no mês de outubro.
Considerando o número total de agendamentos e as três especialidades médicas contempladas pela central – ginecologia e obstetrícia, pediatria e clinica médica -, a diferença entre os dois meses foi de apenas 631 consultas. Mas tomando apenas as consultas de pediatria, houve uma redução muito mais acentuada de 1,4 mil consultas.
A análise da demanda mês a mês desde a inauguração do Teleconsulta também evidencia uma tendência de redução nos agendamentos nos últimos meses do ano. Provavelmente por serem meses de férias, em novembro e dezembro há menos procura por consultas. Tanto em 2006 quanto em 2007, foram agendadas pouco mais de 37 mil consultas no mês de dezembro.
Aos 28 meses de funcionamento, o Teleconsulta já agendou 1.444.740 consultas, sendo 644.254 de clínica médica, 383.208 de ginecologia e obstetrícia e 417.278 de pediatria. No mês de novembro, as unidades que mais marcaram consultas foram o Centro de Atenção Integral à Saúde (Cais) Cais Cândida de Morais (3.953), o Centro de Atendimento Médico-Sanitário (Ciams) Novo Horizonte (3.392) e Centro de Saúde Parque Amazônia (1.950). As consultas de retorno representaram 13,56% do total.
Integrado ao Teleconsulta no mês de maio, o Projeto Nascer Cidadão, que assegura a primeira consulta da mãe e do bebê nos primeiros dez dias após o parto, foi responsável por 270 agendamentos – 135 para puérperas e 135 para recém-nascidos. O atendimento, considerado modelo pelo Ministério da Saúde, despertou o interesse da Rede Globo de Televisão. Uma reportagem produzida pela emissora deve ir ao ar nos próximos dias mostrando que o Projeto assegura o acompanhamento precoce da criança e ainda promove a inclusão social, na medida em que proporciona às famílias o registro da primeira imagem do bebê.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Idtech





Google








IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700