Goiânia, 24 de abril de 2017    




Notícias

(27/07/2009) Teleconsulta é selecionado para ser apresentado em Seminário Nacional

Experiência concorrerá a prêmio e poderá ser incluída na Política Nacional de Humanização, do Ministério da Saúde

A experiência da Central de Atendimento ao Cidadão – Teleconsulta, serviço que faz agendamento de consultas por telefone, gratuitamente, para usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), foi selecionada para ser apresentada no 2º Seminário Nacional de Humanização -“Trocando experiências. Aprimorando o SUS”. O evento, que será realizado pelo Ministério da Saúde, de 05 a 07 de agosto, em Brasília (DF), tem como objetivo reunir e dar visibilidade às iniciativas bem-sucedidas na área de humanização e discutir sua capacidade transformadora das práticas de saúde e de gestão. A troca de experiências é a base do seminário que reunirá 1200 pessoas de todo o país.
Projeto desenvolvido pela Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia em parceria com o Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Humano (Idtech), o Teleconsulta completa três anos de funcionamento no mês de agosto. Desde que foi inaugurado, já agendou praticamente 02 milhões de consultas por telefone, gratuitamente, sem necessidade de o usuário ficar na fila. O agendamento é feito de forma humanizada, considerando o perfil do usuário. O sistema prioriza quem têm preferência assegurada por lei, como o idoso e a criança, ou necessita ser atendido primeiro, como a gestante e o paciente com sintomas considerados de risco. Esses usuários têm suas consultas agendadas em 24 ou 48 horas.
Além de proporcionar mais tranquilidade e conforto para o usuário, o sistema ainda funciona como ferramenta de gestão, garantindo um gerenciamento mais ágil e o melhor aproveitamento das vagas de consulta. Com menos de dois anos de funcionamento, conseguiu dobrar o número de consultas agendadas ao mês. Antes eram marcadas cerca de 30 mil consultas. Hoje, o número gira em torno de 60 mil e já atingiu até 70 mil. O recorde foi batido no mês de março.
O seminário
Durante os dois primeiros dias do 2º Seminário Nacional de Humanização – Trocando experiências. Aprimorando o SUS – os participantes terão contato com as diferentes experiências de humanização sob a forma de pôsteres, podendo votar naqueles que julgarem mais interessantes para debate no terceiro dia do evento. Os mais votados receberão menção honrosa no encerramento das atividades e os autores serão convidados a enviar o trabalho sob a forma de resumo expandido, para posterior publicação da Política Nacional de Humanização.
A programação do seminário inclui ainda o Café HumanizaSUS e a Mostra Interativa HumanizaSUS, que vai expor diferentes materiais de divulgação e outros elementos trazidos pelos participantes e que contribuem para a disseminação do HumanizaSUS pelo Brasil como logomarcas, camisetas, banners, fotos, vídeos, botons, cartazes, etc.
O anterior
O 1º Seminário Nacional de Humanização aconteceu em setembro de 2004, e teve como enfoque a divulgação e sensibilização dos participantes para a humanização da saúde. Cerca de mil trabalhadores e usuários do SUS foram sensibilizados quanto à necessidade de co-responsabilização em saúde. O evento foi um marco para a Política Nacional de Humanização, que realizou 15 oficinas temáticas, e apresentação de 350 pôsteres com experiências em humanização.
Em sua primeira edição, o seminário também contou com o Café HumanizaSUS, recheado de rodas de conversa e oficinas. Em ambas, a participação de secretários, diretores de departamento e coordenadores do Ministério da Saúde indicou a possibilidade de a Política Nacional de Humanização ser implementada de forma transversal nas diversas políticas públicas de saúde.

Fonte: ASCOM/IDTECH






IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700