Goiânia, 22 de outubro de 2017    




Notícias

(12/01/2011) Festival Gastronômico de Nova Veneza com mais qualidade

Curso tecnológico de gastronomia será o primeiro passo do município na preparação do evento. Na abertura solene, prefeito Luiz Antônio Stival cita a credibilidade do Idtech, responsável pela capacitação

Nova Veneza, única cidade de origem italiana em Goiás, despertou seu potencial turístico a partir da realização do Festival Gastronômico, famoso pelos pratos típicos e apresentações culturais da Itália. Em seis edições, o evento tomou uma proporção nunca imaginada pelos 8.130 habitantes do pequeno município a 28 quilômetros de Goiânia. São mais de 200 mil turistas em quatro dias de festival, movimentando mais de R$ 1 milhão na economia local.

Visando a qualidade da culinária e dos serviços prestados aos turistas, a Prefeitura Municipal de Nova Veneza buscou parceria com o Ministério de Ciência e Tecnologia, para promover um curso tecnológico em gastronomia aos venezianos. O Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Humano (Idtech) ficou responsável pela capacitação que vai até o dia 12 de fevereiro. Durante a abertura solene das aulas, nesta segunda-feira, dia 11 de janeiro, o prefeito Luiz Antônio Stival ressaltou que a promoção do curso é a realização de um sonho.

“O Festival Gastronômico de Nova Veneza é considerado um dos maiores eventos de gastronomia em nível de Estado de Goiás e da região Centro-Oeste. A capacitação será de uma importância muito grande para oferecer um serviço de qualidade aos turistas”, disse o prefeito, que enalteceu a credibilidade do Idtech. O instituto já havia promovido outro curso de qualificação na cidade, mas para professores das escolas municipais.

A profissionalização dos venezianos é também uma das ações para aquecer a economia. “Nosso maior desafio é preparar a cidade para que o turismo ocorra durante todo o ano. Queremos que os moradores tenham condição de abrir o seu próprio negócio.” Entre os projetos da Prefeitura Municipal para fomentar o turismo em Nova Veneza, a melhoria na infra-estrutura é prioridade.

De acordo com o prefeito, está sendo construído um portal italiano na entrada da cidade e um “lago de Veneza”, que terá gôndolas semelhantes à cidade natal dos fundadores do município. “Planejamos também a elaboração de um roteiro turístico de restaurantes e melhorar o setor hoteleiro, que é muito fraco”, revela Luiz Stival. Na área cultural, o idioma e os costumes da Itália já são disciplinas obrigatórias nas escolas.

O curso tecnológico em Gastronomia atraiu centenas de moradores, entretanto, foram oferecidas 50 vagas. Entre os alunos, donos de restaurante, merendeiras, padeiros, nutricionistas, cozinheiras e chefes de cozinha. Na abertura, o representante do Idtech, Alexsandro Jorge Lima, apresentou a Instituição e os projetos desenvolvidos nas áreas da saúde, assistência social, educação e meio ambiente. “A organização, que atua no desenvolvimento social e tecnológico em diferentes municípios, aceitou participar do processo licitatório por acreditar no potencial turístico deste município e na grande necessidade de qualificação da população que em sua maioria é envolvida na realização do festival, como instituição sem fins lucrativos que tem como objetivo o desenvolvimento humano não poderíamos recusar esse desafio”, explicou.

O presidente da Associação Amigos de Nova Veneza, Andrey Mesquita de Melo, declarou que a capacitação profissional era um anseio da população. “O Festival precisa abrir espaço ao próprio negócio dos venezianos. Com estas aulas, vocês poderão ter novas ideias e oferecer a comida típica da Itália. Porque os turistas não querem espetinho e caldo, porque isso eles acham em qualquer lugar”, disse aos participantes. O presidente da Associação também mostrou “uma enorme satisfação para a comunidade” receber profissionais gabaritados como a professora de gastronomia da PUC-GO Patrícia Miotto, que ministrou a primeira aula do curso.

Inovação
A maior expectativa dos participantes é aprender novas receitas. Antônia Piveta trabalha com sorvetes artesanais, que fazem o maior sucesso durante o Festival Gastronômico. Desde o primeiro evento, ela tem a participação garantida. Filha de italianos, não esconde o orgulho de trabalhar no maior acontecimento da cidade. “Todos são muito bem recebidos. Esperamos que a próxima edição seja ainda melhor, vamos criar novas receitas e aprimorar as antigas”, disse. A produção da fábrica de sorvetes Soveneza aumenta 100% durante a festa, ganhou reconhecimento e tem pedidos de outras cidades da região.

Vânia Maria Alves Ferreira, já chefiou a grande cozinha montada no Festival. Explica que é formada uma equipe para cada receita: molhos, carnes, polentas e frituras. Para ela, a organização do evento é muito bonita, porque toda a população trabalha junta para atingir sucesso. Sem dúvida, as massas e as carnes são os pratos preferidos de quem vem de fora. “O curso será uma renovação. Sempre procuramos oferecer algo novo. E quanto mais a gente aprende, melhor para a cidade”, diz.

A professora Patrícia Miotto, que também é descendente de italianos, mostrou que o mercado pede qualificação. “O público do Festival será cada vez mais exigente”, avisa. Recomendou aos alunos buscar conhecer a história dos pratos. “O turista gosta de saber sobre a cultura da gastronomia.” Segundo a profissional, os métodos ensinados durante o curso proporcionará mais rapidez e qualidade na elaboração dos pratos. Na primeira aula, abordou também sobre os vilões da contaminação dentro da cozinha.

Fonte: ASCOM/IDTECH








GALERIA DE IMAGENS DO CONTEÚDO:

  • Festival Gastronômico de Nova Veneza com mais qualidade
  • Festival Gastronômico de Nova Veneza com mais qualidade
  • Festival Gastronômico de Nova Veneza com mais qualidade
  • Festival Gastronômico de Nova Veneza com mais qualidade
  • Festival Gastronômico de Nova Veneza com mais qualidade
  • Festival Gastronômico de Nova Veneza com mais qualidade
  • Festival Gastronômico de Nova Veneza com mais qualidade
  • Festival Gastronômico de Nova Veneza com mais qualidade
  • Festival Gastronômico de Nova Veneza com mais qualidade
  • Festival Gastronômico de Nova Veneza com mais qualidade
  • Festival Gastronômico de Nova Veneza com mais qualidade
  • Festival Gastronômico de Nova Veneza com mais qualidade





IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700