Goiânia, 21 de novembro de 2017    




Notícias

(26/01/2011) Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária

Solenidade que marcou a entrega do Pró-Reg à população de Aparecida, nesta terça-feira, dia 25, foi prestigiada por políticos de vários partidos, autoridades de várias áreas, ex-prefeitos e representantes da atual administração

A inauguração da Central de Regulação em Saúde, o Pró-REG, pela Prefeitura Municipal de Aparecida de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com o Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Humano (Idtech), nesta terça-feira, dia 25 de janeiro, mostrou que a Saúde é uma causa suprapartidária e que merece a atenção de autoridades e representantes de várias áreas. É uma causa da sociedade. Realizada embaixo de uma tenda montada na porta da unidade, localizada no Centro da cidade, a solenidade foi prestigiada por deputados estaduais e federais de vários partidos, representantes de entidades de classe da área da Saúde e da Educação, prefeitos de cidades vizinhas, ex-prefeitos de Aparecida e a maioria das autoridades municipais, além do secretário estadual da Saúde, Antônio Faleiros. Todos, sem exceção, ressaltaram as profundas transformações que estão sendo empreendidas na área em Aparecida de Goiânia desde a posse do atual prefeito, Maguito Vilela.

Primeiro a discursar, o presidente da Câmara Municipal, João Antônio, disse que "as mudanças são palpáveis e visíveis" e que vêm contemplar uma população que, por muito tempo, "experimentou com a própria dor o mau atendimento". O vereador disse que a parceria com o Idtech tem resultado em um saldo positivo para a comunidade. O deputado estadual Valdir Bastos ressaltou que tem sido um dos defensores da parceria público-privada na Assembléia Legislativa. "Temos convicção que, embora seja uma modalidade de gestão enfrenta resistências, é a que funciona."

O deputado aproveitou para lembrar que é preciso lutar pelo aumento do teto de recursos destinados pelo SUS ao município. "Aparecida de Goiânia tem 50% dos habitantes de Goiânia, mas recebe o equivalente a 10% dos recursos repassados à capital." A observação foi reforçada pelo prefeito, que conclamou deputados estaduais e federais a brigar por mais verbas. "Cidades como Anápolis e Senador Canedo recebem proporcionalmente mais verbas que Aparecida. Precisamos mudar essa realidade. O povo de Aparecida é igual ao de outros municípios. Nossos cidadãos não são de segunda classe."

O ex-vereador por Goiânia e deputado estadual eleito, Daniel Vilela, elogiou a administração de Maguito Vilela e a boa gestão iniciada por Cairo Louzada, já falecido, e por seu sucessor, Rafael Nakamura, na Secretaria de Saúde. Destacou ainda a parceria com o Idtech, cujo trabalho acompanha desde a sua passagem pela Câmara Municipal, em função da implantação da Central de Atendimento ao Cidadão - Teleconsulta, de Goiânia. "O Idtech foi premiado pelo Ministério da Saúde por promover a humanização do atendimento aos usuários do SUS", assinalou o deputado estadual eleito, reivindicando a extensão dessa excelência e qualidade a todos os serviços da rede municipal de saúde.

O deputado estadual Ozair José disse que encerra seu 3º mandato na Assembléia Legislativa com a certeza de que tudo que ele poderia ter feito pela saúde do povo aparecidense, foi feito e parabenizou a Prefeitura e o Idtech pela implantação não só do Pró-REG como dos demais serviços, o Teleconsulta e o AME. Ademir Menezes, também deputado estadual eleito, lembrou que quando se mudou para Aparecida de Goiânia, a cidade possuia um único médico. "Ele trabalhava num consultório acanhado, ao lado do cemitério. Hoje, tive a satisfação de saber, ao chegar aqui, que contamos com mais de 300, sem contar os demais profissionais da área de saúde." Ademir Menezes, que é ex-prefeito da cidade, observou que, cada gestor, ao seu tempo, contribuiu para mudar a realidade da Saúde de Aparecida de Goiânia e se colocou a disposição para continuar contribuindo.

O deputado federal Leandro Vilela destacou o empenho do prefeito Maguito Vilela em resolver os problemas do município. "Não só na área da Saúde, mas em todas as outras. O prefeito Maguito Vilela transformou Aparecida de Goiânia em um canteiro de obras." O secretário estadual de Saúde, Antônio Faleiros, elogiou a prefeitura por estruturar a sua Central de Regulação em Saúde e lembrou que o município é o segundo do Estado a tomar essa iniciativa. ´´A não ser Goiânia, é a única cidade que tem uma Central estruturada desta forma. O serviço é feito em alguns municípios, mas não com esse grau de organização e com a mesma estrutura." Faleiros comentou que, embora seja de fundamental importância, o serviço da Central de Regulação em Saúde é pouco compreendido pelo usuário do SUS. A população não sabe, mas é ela quem cuida para que o paciente que precisa ser transferido de um serviço de saúde para outro tenha destino certo. Não fique perambulando de ambulância."

O secretário comprometeu-se publicamente em criar o Complexo Regulador do Estado. "Vamos tomar essa medida para que os pacientes possam ser bem atendidos, que saiam de seus destinos com as vagas reservadas para internação, exame ou outro procedimento, e que os profissionais de saúde tenham condições de trabalhar tranquilos, sem sobressaltos." Filiado ao PSDB, o secretário reiterou o caráter supra-partidário da Saúde Pública e lembrou que as eleições já acabaram. Segundo ele, agora é hora de todos trabalharem juntos para proporcionar uma assistência de qualidade à população, melhorando sua qualidade de vida. Neste sentido, pediu o apoio aos deputados e todos os políticos presentes pela aprovação da regulamentação da Emenda Constitucional 29, que fixa os porcentuais de recursos a serem investidos na área pela união, Estados e municípios. Faleiros pediu ajuda de todos também no combate à dengue. "O Césio, um acidente de repercussão internacional, matou 4 pessoas em 1987. A dengue, em 2010, fez 83 vítimas em Goiás. Foram 112 mil casos."

Os anfitriões da festa, o prefeito Maguito Vilela, e o secretário municipal de Saúde, Rafael Nakamura, ressaltaram em seus discursos a importância e a dimensão do serviço entregue à comunidade. O Pró-REG será responsável pelo controle e avaliação, regulação e auditorias relacionadas aos procedimentos de média e alta complexidade realizados em unidades de saúde públicas e contratadas pela administração municipal para prestar serviços aos usuários do Sistema Único de Saúde, incluindo pessoas atendidas por meio de Programação Pactuada Integrada (PPI) e do programa de Tratamento Fora de Domicílio (TFD). Tanto o prefeito, quanto o secretário assinalaram que a prefeitura, ao reestruturar e modernizar o serviço, está procurando oferecer um atendimento ágil, de qualidade e humanizado aos aparecidenses.

Fonte: ASCOM/IDTECH








GALERIA DE IMAGENS DO CONTEÚDO:

  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária
  • Inauguração da Central de Regulação em Saúde foi uma festa suprapartidária





IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700