Goiânia, 22 de setembro de 2017    




Notícias

(16/08/2011) Sindicato convoca assembléia com colaboradores do Idtech

Assembleia ocorrerá amanhã. Na ocasião será discutida a prorrogação da proposta que trata sobre licença-maternidade de 180 dias– concessão feita pelo Idtech para, inclusive, incentivar o aleitamento materno, cuja semana de incentivo ocorre este mês

O Sindicato dos Empregados em Entidades Culturais, Recreativas, de Assistência Social, de Orientação e Formação Profissional no Estado de Goiás (Senalba-GO), convoca os colaboradores do Idtech para Assembléia Geral Extraordinária na próxima quarta-feira, dia 17, às 10 horas em primeira chamada, na Central de Processamento de Dados (CPD) do Instituto. A assembléia tratará da prorrogação do acordo coletivo de trabalho que garante licença-adoção e licença-maternidade de seis meses, benefício concedido pelo Idtech com objetivos como o estímulo ao aleitamento materno, cuja semana mundial de incentivo ocorre tradicionalmente no começo deste mês.

Dezesseis funcionárias do Instituto já usufruíram do benefício da lincença-maternidade de 180 dias. Garantir mais dois meses de proximidade da mãe e filho é uma postura responsável do Idtech. A medida visa favorecer o aleitamento materno exclusivo até os seis meses, fundamental à saúde física e emocional do bebê. Dados da Sociedade Brasileira de Pediatria apontam que a amamentação regular, por seis meses, reduz 17 vezes as chances de a criança contrair pneumonia, 5,4 vezes a possibilidade de anemia e 2,5 vezes a ameaça de crises de diarréia.

A presença materna nos primeiros meses de vida é crucial ainda para o desenvolvimento da criança, contribuindo para a formação de indivíduos mais ajustados socialmente. Essa proximidade favorece ainda a proteção da criança e promoção da harmonia e da tranquilidade familiar. A lei prevê que, durante os dois meses adicionais de licença, a colaboradora não poderá exercer qualquer atividade remunerada e a criança não poderá ser mantida em creche ou organização similar, já que tais situações estariam contra o objetivo do programa.

O Idtech apóia as mães que amamentam tanto interna quanto externamente, por meio de suas unidades que atendem usuárias do Sistema Único de Saúde (SUS). É assim com as mulheres que dão à luz em maternidades públicas e conveniadas com o Sistema em Goiânia. Integrada ao Projeto Nascer Cidadão, a Central de Atendimento ao Cidadão – Teleconsulta assegura o agendamento da primeira consulta pós-parto para a mãe e seu bebê para até dez dias do nascimento da criança. O agendamento é feito pelas técnicas de enfermagem do Projeto, ainda à beira do leito da maternidade, por telefone celular, durante uma visita que inclui também a orientação da mãe sobre cuidados com sua própria saúde e também do recém nascido.

Licença adoção
O Idtech concede também aos seus colaboradores, desde 2009, a licença-adoção. Todos os casais que adotam crianças, incluindo aqueles em união estável homoafetiva, têm direito ao benefício. O prazo desta licença é calculado de acordo com a idade da criança adotada: 180 dias, para bebês de até 1 ano de idade; 120 dias, de 1 a 4 anos e 75 dias, de 4 anos até 8 anos. O objetivo do Idtech com a concessão da licença-adoção é assegurar o tratamento igualitário de homens e mulheres e a garantia uniforme de direitos.



Fonte: IDTECH





Google








IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700