Goiânia, 22 de agosto de 2017    




Notícias

(21/05/2012) Ex-secretário de Políticas para Juventude da Prefeitura visita sede do Teleconsulta

Cairo Salim esteve na Central de Atendimento ao Cidadão – Teleconsulta nesta segunda-feira, dia 21 de maio. Ele aprovou a nova sede, inaugurada em dezembro, e disse que o cidadão merece ser bem atendido

“O cidadão merece toda a tecnologia e modernidade oferecidas pelo Teleconsulta.” A frase foi dita na tarde desta segunda-feira, dia 21 de maio, pelo ex-secretário de Políticas para Juventude da Prefeitura de Goiânia, Cairo Salim, ao concluir visita à Central de Atendimento ao Cidadão. Ele foi recepcionado pelo coordenador de Regulação Assistencial do Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Humano (Idtech), Organização Social que gerencia o serviço de agendamento de consultas para usuários da rede municipal de saúde, por meio de contrato de gestão.

Cairo Salim esteve na Central para visitar a nova sede, inaugurada em 13 de dezembro, e conhecer de perto o atendimento prestado pela unidade. Ele se interessou especialmente pelo modelo de gestão do serviço. “Tenho acompanhado tudo que tem sido veiculado sobre contratos de gestão e creio que é uma alternativa, porque o poder público muitas vezes quer prestar um serviço de qualidade, mas nem sempre a burocracia permite que essa intenção seja concretizada.”

O Teleconsulta agenda consultas não-emergenciais de clínica médica, ginecologia e pediatria, para usuários de unidades básicas de Goiânia, com exceção dos postos de Estratégia da Saúde da Família. Em seus cinco anos de funcionamento, o Teleconsulta conseguiu promover o aproveitamento integral da capacidade de produção dos médicos e das unidades de saúde, humanizar o atendimento ao usuário e reduzir custos com a assistência para o município.

A Central dobrou a média mensal de agendamentos com um aumento de menos de 14% no número de médicos em atividade. O controle mais rigoroso da agenda, totalmente informatizada, desencadeou a redução na perda de vagas e um maior compromisso dos médicos e unidades de saúde com o atendimento ao usuário. Isso representou economia para os cofres municipais, sem contar que o agendamento passou a ser realizado de acordo com o perfil do usuário, respeitando os Estatutos da Criança e do Adolescente e do Idoso e a preferência à gestante e ao portador de sintomas considerados de risco.


Fonte: IDTECH / HGG





Google








IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700