Goiânia, 29 de junho de 2017    




Notícias

(03/08/2012) Teleconsulta comemora 6 anos e 4 milhões de agendamentos

Em relação ao seu primeiro mês de funcionamento, o serviço tem marcado, em média, 50% mais consultas por mês com um número 14,65% menor de médicos. Além de humanizar o atendimento ao usuário, o serviço atua como ferramenta de gestão, evitando perda de vagas

Nesta sexta-feira, 3 de agosto, o Teleconsulta de Goiânia, serviço de agendamento de consultas por telefone para usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) na Capital, comemora antecipadamente 6 anos. Desde que foi inaugurado, em 4 de agosto de 2006, o serviço já realizou 4 milhões de agendamentos. Em comparação ao seu primeiro mês de funcionamento a média mensal de consultas marcadas aumentou 50% em contrapartida a uma redução de 14,65% no número de médicos em atuação na rede básica municipal.

O desempenho foi conseguido sem sobrecarga, porque o número de consultas/hora por médico é regulado pelo Ministério da Saúde. Destinado ao agendamento de consultas não-emergenciais de clínica médica, ginecologia e obstetrícia, o Teleconsulta tem atuado como ferramenta de gestão, evitando a perda de vagas. Realizado diariamente, das 7 às 19 horas (incluindo sábados, domingos e feriados), por meio do telefone 0800 646 1560, o agendamento é humanizado e respeita o perfil do usuário, garantindo prioridade ao idoso, à gestante, à criança e ao portador de sintomas considerados de risco.

Este ano, a comemoração do aniversário do Teleconsulta será voltada para os colaboradores que realizam os cerca de 1,6 mil agendamentos diários. O Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Humano (Idtech), Organização Social que projetou, estruturou e gerencia o serviço por meio de contrato de gestão com a Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia, organizou uma festa com direito a bolo de aniversário, balões, salgadinhos, massagem anti-estresse e sorteio de brindes para agentes de atendimento, médicos, enfermeiros e colaboradores da área administrativa lotados no contact center.

Dois bolos serão cortados às 9 horas e às 15 horas, para contemplar as equipes do turno matutino e vespertino, que se revezam no atendimento às ligações de usuários. São 56 agentes de atendimento pela manhã e 45 à tarde, supervisionados por enfermeiras e um médico. “Quem está todos os dias colaborando para facilitar o acesso do usuário do SUS aos serviços de saúde, merece todo o nosso carinho e atenção”, comenta a gerente de apoio técnico, Tatiane Lemes.

Com o sistema do Teleconsulta, houve humanização no agendamento das consultas da rede básica. A população não precisa mais esperar horas nas filas. Não há mais distribuição de senhas, que muitas vezes eram usadas pelos funcionários das unidades de saúde para favorecer amigos, parentes e correligionários políticos. Agendar a consulta por telefone proporciona mais conforto e dignidade para o usuário. E a informatização da agenda possibilitou um controle rigoroso da produção dos médicos e das unidades.

As agendas são nominais (o sistema fornece o mapa de todos os médicos em atividade) e só podem ser alteradas com 15 dias no mínimo de antecedência, o que aumenta o compromisso com os usuários agendados e maior produtividade. “Este é um dos motivos pelos quais temos conseguido agendar um maior número de consultas com menos médicos em atividade”, explica Tatiane Lemes. Consultas desmarcadas com até cinco horas de antecedência podem ser devolvidas à agenda para serem utilizadas por outros usuários.

Integrado desde maio de 2008 desde maio de 2008 ao Projeto Nascer Cidadão, o Teleconsulta garante o agendamento da primeira consulta pós-parto para mães e bebês nascidos em maternidades públicas e conveniadas com o SUS para os primeiros dez dias de vida da criança. Dede que começou a parceria foram agendadas mais de 11 mil consultas. Mãe e bebê já saem da maternidade com as vagas asseguradas na unidade mais próxima de suas casas, para o mesmo dia e em horários compatíveis.

O agendamento é feito por técnicas de enfermagem que visitam os hospitais e falam por telefone celular, da beira do leito, no Teleconsulta. A parceria visa o acompanhamento do crescimento e desenvolvimento da criança e contribui para o aleitamento materno, que é tema, esta semana, de campanha realizada mundialmente, a Semana da Amamentação. Na consulta, a mãe tira dúvidas e é incentivada a amamentar seu bebê até os dois anos, com aleitamento exclusivo até os seis meses.

Prêmios e sede própria

A trajetória do Teleconsulta é uma trajetória de sucesso. O serviço encontra-se consolidado no município de Goiânia e, em dezembro do ano passado, conquistou sua sede própria. Os recursos para a obra e a compra dos equipamentos vieram das sobras do contrato, economizadas ao longo da parceria entre o Idtech e a Prefeitura. Referência em qualidade e humanização do atendimento, o Teleconsulta vem acumulando conquistas.

Em 2009, recebeu menção honrosa no 2º Seminário Nacional de Humanização e ano passado, participou da mostra do Congresso Brasileiro de Humanização em Saúde. Ambos os eventos foram promovidos pelo Ministério da Saúde, em Brasília e Salvador, respectivamente. Em 2010, em função da sua parceria com o Projeto Nascer Cidadão, chegou a semifinalista do Prêmio ODM Brasil. Iniciativa do Governo Federal apoiada pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), o prêmio tem o objetivo de incentivar ações, programas e projetos que contribuem efetivamente para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODMs).

Iniciativa do Governo Federal que tem o apoio do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), o prêmio incentiva ações, programas e projetos que contribuem efetivamente para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio. O Idtech foi semifinalista pela integração entre o Teleconsulta e o Projeto Nascer Cidadão que permitiu à Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia viabilizar em até dez dias a primeira consulta pós-parto para mães e bebês nascidos em maternidades públicas e conveniadas como o Sistema Único de Saúde (SUS).

Também em 2010, no mês de maio, o Teleconsulta foi o único projeto de Goiás a participar da Mostra de Tecnologias Sustentáveis, promovida pelo Instituto Ethos, simultaneamente à Conferência Internacional Ethos 2010, no Hotel Transamérica em São Paulo. Em um universo de 192 inscritos, o Teleconsulta foi um dos 38 selecionados de todo o País.

No ano passado, o serviço representou Goiás em Porto de Galinhas, Pernambuco, durante a final do Prêmio E-GOV, do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão em parceria com a Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Tecnologia da Informação e Comunicação – ABEP. Foram 20 finalistas apenas entre 76 projetos inscritos. Este ano, concorrerá novamente ao prêmio, cuja lista de classificados será liberada no dia 13 de agosto.


Fonte: IDTECH / HGG








GALERIA DE IMAGENS DO CONTEÚDO:

  • Teleconsulta comemora 6 anos e 4 milhões de agendamentos
  • Teleconsulta comemora 6 anos e 4 milhões de agendamentos
  • Teleconsulta comemora 6 anos e 4 milhões de agendamentos
  • Teleconsulta comemora 6 anos e 4 milhões de agendamentos
  • Teleconsulta comemora 6 anos e 4 milhões de agendamentos
  • Teleconsulta comemora 6 anos e 4 milhões de agendamentos
  • Teleconsulta comemora 6 anos e 4 milhões de agendamentos
  • Teleconsulta comemora 6 anos e 4 milhões de agendamentos
  • Teleconsulta comemora 6 anos e 4 milhões de agendamentos
  • Teleconsulta comemora 6 anos e 4 milhões de agendamentos





IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700