Goiânia, 22 de agosto de 2017    




Notícias

(26/09/2012) Goiás realiza Dia de Resgate Histórico do Césio 137

O evento acontece das 8h às 18h, no Centro Cultural Oscar Niemeyer (CCON) em Goiânia, e encerra um ciclo de eventos iniciado no último dia 13

O Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (Fapeg) e parceiros, promove na próxima sexta-feira, dia 28, um Dia de Resgate Histórico do Césio 137. O evento acontece das 8h às 18h, no Centro Cultural Oscar Niemeyer (CCON) em Goiânia, e encerra um ciclo de eventos iniciado no último dia 13, com um culto ecumênico em homenagem às vítimas e eventos científicos em Caldas Novas e Ceres.
O Dia de Resgate Histórico do Césio 137 contará com a presença de autoridades diversas, representantes dos radioacidentados e 200 pesquisadores ligados à Fundação de Amparo à Pesquisa de Goiás (Fapeg). Também estarão presentes aproximadamente 500 estudantes, dos níveis fundamental e médio, de escolas públicas, além de estudantes das escolas particulares, servidores públicos e jornalistas que participaram da cobertura do acidente e seus desdobramentos.

Homenagem
O físico nuclear José Júlio Rosental, já falecido, e membro da Comissão Nacional de Energia Nuclear (Cnen) à época, será homenageado e dará nome a uma ala do Hospital Geral Alberto Rassi (HGG), onde as vítimas foram atendidas. O descerramento da placa será as 15h30, pelo Secretário de Estado da Saúde, Antonio Faleiros no 3.º andar do HGG.
O evento da próxima sexta-feira marca os 25 anos do acidente com o Césio 137 e pretende, além de relembrar a história, torná-la conhecida para todos que não a viveram na época. “Esse acidente não pode ser esquecido jamais. As novas gerações precisam saber o que aconteceu e ser vigilantes, para que não volte a acontecer. Também precisamos prestar nossas homenagens às vítimas e àqueles que trabalharam incansavelmente para o controle do acidente”, diz o secretário Faleiros.

Depoimentos
Faleiros ocupava o mesmo cargo à época do acidente e falará sobre a experiência durante a mesa redonda Depoimentos, às 10h. Com o tema “O Papel do Governo de Goiás no enfrentamento do acidente”, ele vai detalhar o trabalho desenvolvido a partir da descoberta do acidente, passando pela comunicação com a sociedade e a superação da discriminação.
O médico Alexandre Rodrigues de Oliveira falará sobre o atendimento imediato pós-acidente, enquanto o aspecto científico será abordado pelo biomédico Rafael Souto. O Presidente da Associação da Vítimas do Césio 137, Odesson Alves Ferreira, irá tratar da percepção do acidente pelos radioacidentados, enquanto que Ivan Pedro Salati de Almeida, Diretor de Radioproteção e Segurança Nuclear da Cnem, tratará do Controle de Fontes de Radiação no País. O jornalista Reynaldo Rocha também participa ao comentar sobre a atuação da imprensa na divulgação do acidente.
A tarde do dia 28 terá uma programação inteiramente científica, com a apresentação de estudos, realização de mesas redondas e palestras. A abertura será feita pela Presidente da Fapeg, professora Maria Zaíra Turchi, as 14h. Em seguida, será realizada Mesa Redonda com o tema: Césio 137: Pesquisa e Ciência Pós-acidente em Goiânia. As 16h30, o tema será Acidente com o Césio 137: Impactos Sociais.
Durante a realização do evento a SES irá distribuir uma revista produzida especialmente para o evento. Com 54 páginas, a publicação trará depoimentos dos radioacidentados e reportagens o acidente e suas conseqüências, o depósito dos rejeitos, artigos científicos e entrevistas especiais com pessoas que atuaram diretamente na descontaminação de Goiânia e atendimento às vítimas.
No Centro Cultural Oscar Niemeyer estarão expostos painéis com capas de jornais da época e reproduções das pinturas e desenhos da “Série Césio”, do artista plástico Siron Franco.
O evento do dia 28 é uma iniciativa da Secretaria de Estado da Saúde (SES), promovido pelo Governo de Goiás, em parceria com as secretarias de Educação (Seduc), Ciência e Tecnologia (Sectec), Cidades (Secidades), Cultura (Secult) e Fundação de Amparo à Pesquisa de Goiás (Fapeg). Apoios: Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), Associação das Vítimas do Césio 137, UFG, PUC-GO, UEG, Comissão Nacional de Energia Nuclear (Cnen), Agência Nacional do Cinema (Ancine Goiás), UniEvangélica, Fundação Jaime Câmara e Agência Goiana de Comunicação (Agecom).


Fonte: IDTECH / HGG





Google








IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700