Goiânia, 20 de agosto de 2017    




Notícias

(08/07/2013) Superintendentes da SES visitam o HGG e elogiam administração

Nesta segunda-feira, dia 08 de julho, o Hospital Alberto Rassi recebeu os técnicos da Secretaria, que conheceram o trabalho realizado pelo Idtech e as principais obras que visam à ampliação e qualidade do atendimento

Entusiasmo. Esse sentimento foi percebido pelos superintendentes da Secretaria de Estado da Saúde (SES) ao conhecer o trabalho que está sendo desenvolvido no Hospital Alberto Rassi – HGG, após a gestão do Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Humano (Idtech). O espírito otimista e de vontade de fazer o melhor para o Sistema Único de Saúde (SUS) foi reconhecido pela comitiva, que nesta segunda-feira, dia 8 de julho, percorreu toda a unidade hospitalar e vistoriou obras como a do Ambulatório e a do Centro de Tratamento Intensivo (CTI), que visam à ampliação e qualidade do atendimento.

“Estamos vendo que estão trabalhando com entusiasmo, com paixão. Essa vontade de mudar é transmitida para os pacientes, que passam a ter uma assistência de maior qualidade”, disse o superintendente executivo da SES, Halim Girade. De acordo com ele, os bons resultados na gestão do Idtech comprovam que o Estado acertou ao escolher as organizações sociais para administrarem os hospitais. “Os hospitais não deixaram de ser do Estado. Mas sob a gestão das OSs, as unidades tem muito mais rapidez para comprar, contratar e reformar”, disse. Citou ainda as diversas mudanças realizadas no HGG, que “podem ser vistas por todos os lados”.

A visita foi acompanhada pelos coordenadores do Idtech e diretores do Hospital. Para o coordenador executivo do Instituto, José Cláudio Romero, receber os superintendentes da SES foi essencial para que todos conheçam como estão sendo utilizados os recursos repassados pelo Governo. “As parcerias com as organizações sociais tem trazidos bons resultados para saúde pública mas precisam ser fiscalizadas para não virar um dos maiores rombos do setor”, disse.

A superintendente de Gerenciamento das Unidades Assistenciais de Saúde (Sunas), Maria Cecília Martins Brito, afirmou que o papel das superintendências é monitorar as metas e indicadores e por isso, pediu aos superintendentes mais envolvimento nos processos relativos às organizações sociais. De acordo com Halim Girade, a visita ao HGG se repetirá em todas as unidades hospitalares gerenciadas por OSs justamente com este propósito.

CTI
Os superintendentes conheceram o novo Centro de Terapia Intensiva do HGG. Praticamente pronto, Halim Girade afirmou que será um dos melhores de Goiânia e de todo o Estado. O superintendente explicou que o termo aditivo de contrato está sendo discutido. “Rapidamente serão inaugurados esses 29 leitos. Estamos em fase final de discussão e esse termo não poderá ser um entrave administrativo porque já está tudo praticamente pronto”, disse.


Fonte: IDTECH / HGG





Google








IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700