Goiânia, 25 de abril de 2017    




Notícias

(20/01/2014) Revista Cores aborda Centro de Terapia Intensiva humanizada do HGG

A publicação de responsabilidade socioambiental da Fieg destacou como o ambiente foi projetado para melhor receber os pacientes

A revista Cores, especializada em responsabilidade socioambiental da Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg) destacou em sua 12ª edição a humanização do Centro de Terapia Intensiva (CTI) do Hospital Aberto Rassi – HGG.

A reportagem quebra mitos e rompe pensamentos arcaicos de que a UTI é vista como um estágio final do paciente, antes da morte. Contradizendo o que muitos acreditam, a UTI é um local onde se recebe cuidados intensificados para a recuperação do adoentado.

O CTI humanizado do HGG só se tornou possível graças à gestão realizada pela Organização Social (OS) Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Humano (Idtech). A obra e os equipamentos custaram aos cofres públicos R$ 3,8 milhões.

A administração do HGG se preocupou com o bem estar do paciente, tanto aquele que está em estado de consciência quanto o que não está. Lá há televisões para ajudar a passar o tempo, luz natural que ajuda na prevenção de delírios, e o piso conter um diferencial: a manta vinílica, que evita o ruído das macas. Além disso, o CTI tem como decoração as obras de arte de pintores famosos como o espanhol Joan Miró.

Tudo isso foi feito para que o paciente possa ter uma melhor e mais rápida recuperação. E não somente em estrutura, o HGG conta também com projetos musicais. É o caso do Sarau, que acontece às quintas-feiras, no qual artistas são convidados a alegrar os usuários da unidade.

Fonte: IDTECH






IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700