Goiânia, 26 de junho de 2017    




Notícias

(07/02/2014) Chico Marx leva alegria e conforto a pacientes durante Sarau do HGG

A música “Faz um milagre em mim” foi considerada o hino da edição desta quinta-feira (06)

O sol ainda refletia forte nos quartos quando o Sarau do HGG foi anunciado. “Olha o Sarau aí, gente”, dizia a organizadora da ação, Lili Moreira. Nesta quinta-feira, dia 6 de fevereiro, quem passava pelos corredores e via o cantor Chico Marx com seu belo violão, corria para os quartos repassar a mensagem que música boa estaria por vir.

Nos primeiros quartos era possível perceber que boa parte dos pacientes do último Sarau já não estava mais por lá. Sinal de que melhoraram e puderam ir para seus lares. Os rostos novos se mostravam um tanto quanto assustados com a cantoria, que quebrou o clima de silêncio do hospital.

Eliotélio Vaz Rodrigues, de 59 anos, estava – até então – bem quieto em seu leito, acompanhado de sua filha. Mas quando ouviu Chico Marx entrando e cantando “Boate Azul”, não pensou duas vezes e deu um pulo da cama para acompanhar a apresentação. “Agora vamos todos embora pra casa. Já melhoramos”, disse. A alegria da moça que o acompanhava era visível em seu rosto. “Fazia tempo que não via meu pai assim”, dizia. Eliotélio está internado no HGG aguardando uma cirurgia no coração. Bem, e emoções não faltaram para encher de alegria o frágil (ou não) coração de Eliotélio, que acompanhou o cantor em todas as enfermarias do terceiro andar. Com ele também vieram vários outros pacientes, que levavam um pouquinho dos bons sentimentos aos outros companheiros.

Todas as músicas que Chico cantou foram acompanhadas pelos pacientes. Entretanto, a que formou o “Coral do HGG” foi “Faz um milagre em mim”, do pastor Regis Danese, que foi considerada o hino do Sarau desta edição. Algumas acompanhantes deixaram a vergonha de lado e falavam: “Canta aquela, como Zaqueu...”. E Chico, com toda sua alegria e simpatia, atendia os pedidos.

No CTI, a jovem Daniela, de 16 anos, acompanhou – ao pé da letra – a canção de Caetano Veloso, “Você não me ensinou a te esquecer”. Quem estava ao lado, não conseguiu segurar as emoções. O espírito da alegria também foi levado para os pacientes do Programa de Controle e Cirurgia da Obesidade (PCCO), que fizeram a cirurgia bariátrica. “Muito obrigada”, disse um dos operados.

Com a sensação de missão cumprida, ao final das apresentações, Chico deixou um aviso: “Me chamem quando precisar”. “Com certeza, Chico”, intimou Lili Moreira. O Sarau do HGG da próxima quinta-feira (13) contará com a apresentação de Aline Araújo, às 17h30, que tocará harpa, pela primeira vez no hospital.

Fonte: IDTECH






IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700