Goiânia, 29 de maio de 2017    




Notícias

(14/02/2014) CTI do HGG conta com colchões pneumáticos

Os 18 colchões serão utilizados por pacientes crônicos, internados na UTI, para prevenir o aparecimento de lesões na pele

O Centro de Terapia Intensiva (CTI) do Hospital Alberto Rassi – HGG conta, agora, com 18 colchões pneumáticos, que previnem o aparecimento de lesões na pele – as chamadas úlceras de pressão – ocorridas basicamente em pacientes que não podem modificar sua posição em intervalos de tempo regulares.

De acordo com o sub-gerente de Enfermagem do CTI, Álamo Araújo, a utilização de um colchão que permita a alternância de pressão entre as células é muito importante, já que evita que as áreas de contato entre o paciente e o colchão fiquem permanentemente sob pressão. “Pacientes desnutridos, idosos e aqueles que possuem outras doenças vão ter a chance menor de desenvolver essas lesões de pele”, explica.

Em um curto período de tempo – em torno de cinco minutos – o colchão alterna as áreas de pressão, realizando um movimento que estimula a circulação sanguínea. Segundo Álamo, os novos materiais só serão utilizados mediante as indicações específicas para o uso.

A necessidade de adquirir os colchões pneumáticos foi observada pela gerente de Enfermagem da unidade, Natálie Alves, que levou em consideração o perfil do paciente do HGG: a maioria idosa, com a pele mais sensível, portadora de doenças prévias como diabetes vasculares, que contribuem para o aparecimento das lesões. “O HGG é o hospital público que mais oferece uma assistência humanizada aos pacientes, além de medicamentos e materiais de qualidade que nem alguns hospitais particulares tem acesso”, comemora Natálie.


Fonte: IDTECH






IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700