Roberto Rian faz cirurgia corretiva de má formação nos pés



O procedimento foi realizado nesta quinta-feira, 20 de março, no Hospital Alberto Rassi – HGG

O menino Roberto Rian, de 1 ano e 5 meses, realizou nesta quinta-feira, 20 de março, a cirurgia corretiva de má formação nos pés, no Hospital Alberto Rassi – HGG. O procedimento foi feito pelo ortopedista Luiz Fernando Jardim, que considerou a cirurgia um sucesso. “O procedimento foi bastante tranquilo. Não foi nada muito incisivo. Corrigimos os dois pezinhos dele e colocamos o gesso”.

Agora, de acordo com o ortopedista, o menino deve ficar com esse gesso por mais duas semanas. Após o prazo, ele voltará para o HGG, onde terá a consulta de retorno e será avaliado. “Depois desse período operatório, ele vai retornar para a consulta, onde colocaremos outro gesso, com o qual ele deverá ficar por mais duas semanas”, explica Luiz Fernando.

Os cuidados, segundo o ortopedista, são bastante simples, uma vez que a principal recomendação que a mãe da criança, Luzinéia Rosa Ferreira, precisa ter é para que o menino não quebre o gesso. “Seguindo todas as orientações, o tratamento continuará indo muito bem. Ele deverá retornar ao consultório após a segunda troca de gesso, quando deverá ser liberado para andar e usar, durante a noite, um aparelho ortopédico para manter a correção dos pés”, alerta.

Roberto Rian já aguardava pela cirurgia corretiva desde setembro de 2013. O Hospital Alberto Rassi – HGG se sensibilizou com o caso e conseguiu, com o apoio da Central de Regulação de Goiânia, agilizar o procedimento. Inicialmente, a cirurgia estava agendada para o dia 23 de janeiro, mas teve de ser adiada já que o menino foi diagnosticado com anemia. Segundo a mãe, ele fez o tratamento na própria cidade, em Rio Verde, e já está recuperado. “Graças a Deus ele está ótimo. Agora é cuidar dele para que ele possa começar a andar logo”, espera.



Quer receber notícias e novidades do Idtech diretamente no seu e-mail?

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

© IDTECH - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS