Goiânia, 19 de agosto de 2017    




Notícias

(31/03/2014) Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência

Ação nesta sexta-feira, dia 28, no Setor Oeste, atrai centenas de curiosos. Estudantes encenaram as vítimas, que foram atendidas pela Brigada de Incêndio e Corpo de Bombeiros

Muitos pensaram que uma catástrofe havia acontecido no Hospital Alberto Rassi – HGG nesta sexta-feira, dia 28. Afinal, sete viaturas do Corpo de Bombeiros, ambulâncias e motolâncias do Samu e até mesmo a viatura do Instituto Médico Legal (IML), estavam em frente à unidade socorrendo os feridos e as vítimas de um suposto incêndio. Tratava-se de uma simulação de treinamento dos brigadistas, que mobilizou mais de 150 pessoas, além dos curiosos, que ficaram impressionados com a veracidade do treinamento.

“Quando eu vi essa quantidade de bombeiros achei que era uma tragédia, mas logo fui avisado que se tratava de um treinamento”, disse o auxiliar de construção Glaucijane Pereira Carvalho. Ele e mais alguns curiosos aproveitavam para filmar e tirar fotos da movimentação, que contou com 60 estudantes de enfermagem que fizeram o papel de vítimas. Maquiados, eles gritavam de dor e pediam socorro. “Está sendo muito real”, considerou.

Funcionário do HGG, Manoel Andrade Cunha também virou o cinegrafista amador da “tragédia”. “Fico imaginando como deve ser a adrenalina dos profissionais que precisam salvar vidas quando acontece um acidente deste tamanho”, disse ele que trabalha na farmácia, ao lado de onde foi o foco do “incêndio”. “O Hospital está de parabéns por promover um treinamento como este, pois é muito importante a prevenção.”

Manoel se assustou com uma das participantes da ação, que fez o papel de irmã de uma vítima. “Meu irmão! Ele morreu!”, gritava ela que tentava ultrapassar o cordão humano de isolamento para chegar até à vítima. A estudante de enfermagem Narrira Lerrânia Silva Lima estava completamente ensanguentada com um líquido de groselha. “Em alguns momentos parecia que estava acontecendo tudo de verdade”, disse. Futura profissional da saúde, afirmou que foi horrível a sensação de ser o “outro lado”, mas de muito aprendizado.

A brigadista de incêndio do HGG Larissa Salcides não deixava nem mesmo os jornalistas entrarem na área de socorro para não atrapalhar o salvamento. “Foi perfeito. As vítimas pareceram muito reais e todos levaram a sério a simulação.” Estudante de marketing, ela trabalha na recepção do hospital. “Nunca imaginei que ia ajudar a resgatar vítimas, mesmo que de mentira. Uma amiga minha ficou sabendo da movimentação e estava super preocupada comigo”, contou.

A médica residente Priscilla Moreira de Souza Domingues, considerou a atividade uma verdadeira contribuição para a sua formação. “Em eventos catastróficos ficamos sem saber o que fazer, já que não vivenciamos esse tipo de situação. Essa ação foi importantíssima para orientar o pessoal da área de saúde a como agir em situações de desespero”, explicou. Segundo ela, o Corpo de Bombeiros e Samu estiveram o tempo inteiro orientando sobre como fazer os resgates.

Ação
A simulação foi promovida pelo Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás e a Brigada de Incêndio do Hospital Alberto Rassi – HGG. Todo o treinamento envolveu envolver 60 brigadistas colaboradores do Hospital, 30 supostas vítimas, mais de 30 bombeiros, além da equipe do SAMU e IML.

É a primeira vez que o Corpo de Bombeiros e um hospital público promovem um treinamento deste porte em Goiás. A ação teve o objetivo de preparar as equipes da Brigada contra Incêndio do HGG, composta ao todo por 260 colaboradores, a atuarem em conjunto com as equipes dos bombeiros em situações de controle de pânico, combate a incêndio e resgate nas dependências da unidade.

“O treinamento foi de extrema importância para o Corpo de Bombeiros levantar os pontos a serem melhorados e atender com mais eficiência a população”, avalia o tenente coronel Jonas Henrique Moreira. Para ele, também foi uma oportunidade para mostrar o trabalho integrado das equipes do Samu, AMT, IML e os brigadistas do Hospital, que foram treinados na corporação. “Essa integração é fundamental”.

O diretor administrativo do HGG, Alessandro Purcino, destacou que o hospital tem se preparado desde outubro para atender as necessidades elencadas pelo Corpo de Bombeiros para a segurança dos pacientes e colaboradores. “Todos foram fenomenais. O envolvimento dos colaboradores e o trabalho em equipe impressionaram. A ação teve o poder de elevar a moral da equipe e isso para o processo da acreditação muito importante.”

Fonte: IDTECH








GALERIA DE IMAGENS DO CONTEÚDO:

  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência
  • Simulação de incêndio no HGG mobiliza atendimento de urgência




Google








IDTECH - Todos os direitos reservados

Rua 01, Qd. B-1, Lt. 03/05 nº 60 - Térreo, Setor Oeste, Cep. 74115-040, Goiânia/GO
Telefone: 62 3209-9700