05/04/2019 - Musas do Goianão 2019 doam sangue no Hemocentro



Representantes dos principais times do Estado estiveram na unidade para realizar a doação de sangue, nesta quinta-feira, 4 de abril

Com o intuito de estimular os torcedores e aumentar a adesão à doação de sangue entre os times, as Musas do Goianão 2019 estiveram no Hemocentro nesta quinta-feira, 4 de abril, para doarem sangue pelo seu time. A ação faz parte de uma das etapas do concurso promovido pela TV Anhanguera, que tem como mote principal a solidariedade, que soma pontos à beleza das candidatas.

O concurso será definido pela participação das torcidas em quatro categorias: voto nas musas no site oficial, doação de sangue, doação de alimentos e doação de livros. Para ajudar a musa do seu time do coração, basta a pessoa ir até alguma unidade do Hemocentro e dizer por qual time sua doação irá contabilizar. Vence a etapa quem conseguir o maior volume de bolsas no período do concurso, que vai até o dia 13 de abril.

Primeira a chegar ao Hemocentro, a Musa do Goiás, Ana Beatriz Carvalho, fez questão de fazer o cadastro para doar pela primeira vez. “O concurso é ótimo porque nos dá a oportunidade de ajudar ao próximo. A doação de sangue ajuda muitas pessoas, e também tem a outra parte que é a doação de alimentos e livros. Estou muito engajada e espero que todos ganhem com isso”, disse.

Laylla Leão Santos também realizou a doação de sangue pela primeira vez. Musa do Vila Nova, a estudante de direito enalteceu a ação e convidou os torcedores a doarem também através das redes sociais. “Estava com muito medo, mas é muito tranquilo. A doação em si não durou nem 10 minutos. Acho muito importante poder ajudar ao próximo, além de ganhar pontos para o concurso. Duas coisas boas”, brincou.

A musa do Grêmio Anápolis, Érika Carvalho, não estava apta a doar, por ter feito uma tatuagem recentemente. “É uma pena não poder doar, mas estou fazendo a minha parte convidando a torcida. O Musa do Goianão é um concurso solidário e esse foi um dos principais motivos que me inscrevi para participar”, declarou.

A musa do Goianésia, Ariela Gomides, também ressaltou a importância da doação de sangue. “É a primeira vez que estou doando e acho muito importante. É uma causa nobre e é preciso que todas as pessoas se conscientizem sobre a importância de doar sim, e nós ficamos gratas em poder ajudar de alguma forma, tem varias pessoas precisando”.

Na ocasião, o secretário estadual de Saúde, Ismael Alexandrino, que estava no Hemocentro para uma visita, aproveitou para parabenizar as representantes dos times. “As musas estão colaborando conosco unindo esporte, saúde e beleza. Obrigada a vocês, sempre que puderem, doem sangue, incentivem às suas famílias, porque um dia qualquer um de nós pode precisar”, disse o secretário.

Dinâmica da disputa

O concurso será dividido em duas etapas. Durante a primeira, que vai de 22 de março até 12 de abril, as candidatas terão a missão de mobilizar suas torcidas em prol da solidariedade e somar o máximo de pontos nas quatro categorias. A liderança em cada atividade será somada para selecionar as duas melhores colocadas para a final, que será então decidida do dia 13 de abril até dia 20 de abril em uma nova votação do público no site do Globo Esporte local (globoesporte.com/go). Os internautas poderão votar quantas vezes quiserem.

A arrecadação de alimentos e de livros será feita na sede da TV Anhanguera em Goiânia. Os times também apontarão locais para recebimento dos alimentos e livros em suas cidades. A torcida com o maior quantitativo de doações somará ponto para sua candidata no quadro geral do concurso. Estão participando as musas do Anapolina, Aparecidense, Atlético, Grêmio Anápolis, Goianésia, Goiânia, Goiás e Vila Nova.




© IDTECH, Hospital Estadual Alberto Rassi/HGG, Hemocentro de Goiás - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS