23/10/2019 - Enfermeira alerta para importância do autoexame da mama



Wagna Barbosa, especialista em oncologia, sanou as dúvidas dos pacientes do Ambulatório do HGG sobre o tema

Pacientes que aguardavam por consulta no Ambulatório de Medicina Avançada (AMA) do Hospital Estadual Alberto Rassi – HGG tiveram a oportunidade de sanar as dúvidas, nesta terça-feira, 22 de outubro, relacionadas ao câncer de mama. A enfermeira da unidade, especialista em Oncologia, Wagna Barbosa, ministrou palestra para o público, em alusão à campanha Outubro Rosa.

A importância do autoexame da mama foi o tema central. De acordo com a profissional, se o câncer for descoberto em estágio inicial, as chances de cura são de até 99%. “É importante que as mulheres conscientizem que uma simples atitude pode salvar a vida delas. Os homens podem ser acometidos pelo câncer de mama e devem ficar atentos também”, ressaltou.

Wagna levou um colar de bolinhas que variavam de tamanho, para ilustrar o tamanho dos nódulos que podem ser encontrados nos seios. A prótese de uma mama foi apresentada para ensinar o público a fazer o autoexame de forma correta. “É preciso que as mulheres conheçam a mama e façam o autoexame com frequência. A mamografia também é importante, deve ser realizada uma vez por ano”.

A dona de casa Valdivina Portilho de Araújo tirou as suas dúvidas e contou a experiência que teve na família. “Minha irmã morreu vítima de câncer de mama quando tinha 33 anos. Ela começou a sentir alguns nódulos abaixo da axila, e quando fez os exames, o câncer já estava em estágio avançado. Foi um baque para a família, e desde então o médico orientou que é preciso que as mulheres façam a mamografia uma vez por ano. Eu não deixo de ir. Tenho outras duas irmãs que também se cuidam bastante”.




© IDTECH, Hospital Estadual Alberto Rassi/HGG, Hemocentro de Goiás - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS