28/12/2020 - Realizado virtualmente, Comunicadores da Alegria completa oito edições



Por conta da pandemia de Covid-19, jornalistas enviaram vídeos para pacientes, acompanhantes e colaboradores do HGG

Em mais uma edição do projeto Comunicadores da Alegria do Hospital Estadual Alberto Rassi – HGG, a emoção tomou conta dos corredores das enfermarias, Ambulatório de Medicina Avançada (AMA) e Centro de Terapia Intensiva (CTI). Diferente dos outros anos, o Comunicadores da Alegria de 2020 foi totalmente on-line por causa da pandemia do novo coronavírus. Com vídeos enviados por diversos jornalistas, os profissionais da imprensa desejaram melhoras aos pacientes e felicitações para os colaboradores e acompanhantes.

A oitava edição do projeto contou com uma dinâmica diferente. Sem a presença física dos comunicadores, a mensagem foi levada para as enfermarias por meio da televisão do FisioGame, um aparelho utilizado em terapias com vídeo game no HGG. No AMA e CTI, os vídeos foram veiculados nas TVs, além do envio das mensagens para o WhatsApp dos pacientes.

Para o paciente Pedro Pereira Lopes, que está internado no CTI para a realização de um tratamento renal, foi um momento muito bom que deu calorzinho no coração. Já para Cassio Coelho Pinto, 32 anos, que está internado no HGG pela primeira vez, ouvir a mensagem dos comunicadores foi incentivador. "Achei muito bom, muito legal, ajuda a gente no tratamento, a se esforçar mais e nunca perder a esperança", comenta o paciente.

Quem também achou o projeto muito interessante foi a paciente Ana Vitória Silva Soares. "Eu gostei de todos os recados, senti carinho e verdade em tudo o que eles disseram. Quando a gente está aqui, nesse hospital, principalmente nessa época de pandemia que não pode ficar acompanhante, a gente se sente muito sozinha. Então, receber mensagens assim é muito confortante, é muito bom", reforça Ana Vitória.

A enfermeira Maria José Alves acredita que a inciativa é excelente e ajuda na recuperação dos pacientes. "Achei excelente essa iniciativa deles, pois os pacientes sempre ficam ansiosos nessa época do ano. Quando eu falei que eles teriam uma surpresa, todos deram um jeito para assistir. Como profissional da saúde, me senti lembrada com o recadinho deles. Já estou com saudades deles", ressalta a enfermeira.

Leonara Alves de Oliveira, gerente da Clínica Médica de Cuidados Paliativos, enfatiza sobre a importância do Comunicadores da Alegria para o HGG como um todo. "Eu gosto muito desses projetos, sou uma pessoa muito ligada a esse tipo de atividade, e é com muito prazer que eu acompanho. Acho que esse trabalho é fundamental para o nosso diferencial, enquanto instituição", finaliza.

Para o repórter da Televisão Brasil Central (TBC), Cássio Neves, a participação virtual foi uma experiência diferente. "A sensação foi como se eu estivesse me vestindo de alegria para revisitar os olhares de pacientes que eu já havia conhecido em outros anos. A experiência nunca é a mesma, mas para ter esta conexão eu busquei isto este ano", comenta o jornalista.

Petras de Souza, jornalista da Secretaria de Estado da Comunicação, afirmou que tem gratidão em participar do Comunicadores da Alegria e que sempre fica lisonjeado pelo convite. "De todos os imprevistos que a pandemia me causou, um dos mais tristes foi a impossibilidade de participar presencialmente do Comunicadores da Alegria. Ficar sem essa energia do projeto me fez falta", finaliza o jornalista.

Participantes de 2020
Participaram do projeto em 2020 Álvaro Cardoso ( 89 Rádio Rock); Ana Cláudia Rocha; Caio Salgado (Jornal O Popular); Cássio Neves (TBC); Cristiane Lima (Jornal O Popular); Eva Taucci (TBC); Fabiana Pulcineli (Jornal O Popular); Flávia Vinhal ( Band News FM); Fred Silveira (Record TV Goiás); Henrique Augusto (Rádio Interativa FM); Kamylla Rodrigues (Sistema Sagres e Band TV); Luciana Finholdt (TV Serra Dourada); Lucílio Macedo (TV Serra Dourada); Luiz Geraldo (Rádio CBN Goiânia); Maycon Leão (TV Serra Dourada); Michelle Bouson (TBC); Oloares Ferreira (Record TV Goiás); Pablo Kossa (Rádio Interativa FM); Paulo Ruan (PUC TV); Petras de Souza (Secretaria de Comunicação do Estado de Goiás); Segismar Júnior (Fonte TV); Ulisses Aesse (Diário da Manhã) e Wesley Almeida (PUC TV).

Sobre o Comunicadores da Alegria
O projeto tem como objetivo reunir formadores de opinião para uma experiência única exercendo um papel diferente do que estão acostumados. A ideia é fazer com que os comunicadores tenham uma visão mais ampla do HGG e o atendimento por meio do SUS, quebrando tabus sobre a Saúde Pública. Desde o início do projeto, em 2013, já passaram pelo HGG cerca de 100 jornalistas.




© IDTECH, Hospital Estadual Alberto Rassi/HGG, Hemocentro de Goiás - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS