25/01/2021 - HGG recebe doação de tablet por participação em pesquisa



Benefício faz parte do projeto sobre Infecções Relacionadas à Assistência em Saúde (IRAS)

O Hospital Estadual Alberto Rassi – HGG recebeu nesta quarta-feira, 20 de janeiro, a doação de um tablet para o Setor de Controle de Infecção Hospitalar (SCHI) pela participação no projeto de pesquisa sobre Infecções Relacionadas à Assistência em Saúde (IRAS) financiado pelo Ministério da Saúde, e coordenado por um grupo de pesquisadores do Instituto Federal de Goiás (IFG), Instituto Federal de Pernambuco (IFPE) e das universidades federais de Goiás (UFG) e de Pernambuco (UFPE).

O projeto desenvolvido no HGG foi "Estudo multicêntrico de avaliação epidemiológica das Infecções Bacterianas Relacionadas à Assistência em Saúde, em usuários da saúde diagnosticados ou não com COVID-19, pelo monitoramento digital no âmbito das Comissões de Controle de Infecções Hospitalares" e contou com a participação da Diretoria de Enfermagem, Centro de Terapia Intensiva (CTI), Escritório da Qualidade e Setor de Controle de Infecção Hospitalar (SCHI).

De acordo com a coordenadora do SCHI, a médica infectologista Andréa Spadeto, o tablet ajudará na busca por informações sobre as infecções dentro do hospital. "Fazemos visitas em todos os setores, principalmente no CTI e pacientes que têm algum dispositivo externo, como sonda vesical de demora, cateter central e estão em ventilação mecânica. Eles são monitorados em relação aos cuidados, avaliação de feridas e risco de infecção", complementa a médica.

A pesquisa funciona da seguinte forma: o Ministério da Saúde, junto com o IF Goiano, fez um projeto com vários hospitais públicos. A empresa First Global Brasil entrou com o apoio do Hepic (software exclusivo para controle de infecção hospitalar) e o tablet entregue ao HGG possui a ferramenta. De acordo com o colaborador da First Global, Gladson Padilha, o Hepic é um software voltado para auxiliar a SCIH de um modo geral e traz as informações voltadas para o que o pessoal da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) e interligadas ao prontuário eletrônico da unidade de saúde.

Para a diretora de enfermagem do HGG, Natalie Alves, o sistema de gerenciamento vai contribuir muito para o serviço da CCIH na análise de dados, prontuários, avaliação de pacientes. "O setor faz muita gestão de dados e é importante para monitorar a performance da unidade. São dados que dizem muito sobre a qualidade assistencial, sobre os protocolos de segurança do paciente e sobre a cultura de segurança da instituição", finaliza a diretora.



Quer receber notícias e novidades do Idtech diretamente no seu e-mail?

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

© IDTECH, Hospital Estadual Alberto Rassi/HGG, Hemocentro de Goiás - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS