09/04/2021 - HGG se prepara para receber novo aparelho de ressonância magnética alemão



Aquisição foi realizada por meio de verba do Ministério da Saúde no valor de R$ 3,5 mi

O Hospital Estadual Alberto Rassi – HGG iniciou na última quarta-feira, 31 de março, a remoção do aparelho de ressonância magnética, que desde a década de 1990 serviu à unidade, para a compra de um novo e moderno equipamento adquirido na Alemanha. Segundo Lúcio Dias, coordenador executivo do Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Humano – Idtech, organização responsável pela gestão do HGG, a remoção antecipada foi necessária para que o espaço esteja preparado para chegada do novo equipamento.

"Além de ser um aparelho de alto custo – R$ 3.543.195,00 – adquirido com recursos do Ministério da Saúde, via emenda parlamentar da bancada federal de Goiás na Câmara dos Deputados, fomos orientados pela fábrica alemã que a ressonância chegue ao Brasil e seja instalada imediatamente para evitar qualquer risco de deterioração e para que passe a atender o público o mais breve possível", explica. Conforme contrato firmado com a Siemens, o novo aparelho deverá ser entregue dentro dos próximos 150 dias.

O diretor-administrativo do HGG, Alessandro Purcino,informou que o antigo aparelho da unidade já foi devolvido ao setor de patrimônio da Secretaria de Estado da Saúde (SES). "A ressonância que foi encaminhada para SES é um equipamento que já se encontrava em estado de obsolescência, uma vez que já não eram mais fabricadas peças para ele, e, com isso, se tornou inviável fazer a manutenção", disse.

A diretora de Enfermagem do HGG, Natálie Alves destaca ainda que a ressonância magnética se encontrava com atuação limitada por causa de sua obsolescência. "Já não era possível fazer alguns tipos de exames, e, dessa forma, era necessário deslocar pacientes internados no HGG para outra unidade pública da rede estadual, e, então, retornarem ao hospital. Com este novo equipamento, moderno e com todos os recursos disponíveis para realização de exames, nós vamos conseguir fazer exames de imagem, aqui, no próprio HGG, sem a necessidade desse deslocamento. Além de agilizar os diagnósticos, a nova ressonância possibilitará um atendimento ainda mais eficiente no HGG", pontua.




© IDTECH, Hospital Estadual Alberto Rassi/HGG, Hemocentro de Goiás - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS